Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Diretor da PJ fica mais três anos. "Em equipa que ganha não se mexe"

  • 333

Almeida Rodrigues foi reconduzido pela ministra da Justiça e não vai mudar a equipa. Todos os diretores continuam.

Rui Gustavo

Rui Gustavo

Editor de Sociedade

Almeida Rodrigues, o primeiro inspetor de carreira a chegar ao topo da Polícia Judiciária, vai continuar no cargo durante mais três anos. A notícia foi avançada pelo "Correio da Manhã" e confirmada ao Expresso pelo próprio: "Posso confirmar que vou ficar mais três anos. É o reconhecimento do bom desempenho de todos os funcionários que servem a PJ com rigor e empenho". Os dirigentes adjuntos deverão manter-se todos: "Em equipa que ganha não se mexe", confirma Almeida Rodrigues.

O diretor da PJ foi nomeado em 2008 para substituir Alípio Ribeiro e tem tido um mandato marcado pelos confrontos com o sindicato e pela inauguração da nova sede. Era o número dois da PJ de Coimbra e ajudou a resolver casos como o do cabo Costa, condenado pela morte de três raparigas em Santa Comba Dão, ou de Tó-Jó, o vocalista de uma banda satânica que matou os próprios pais.