18 de abril de 2014 às 0:59
Página Inicial  ⁄  Atualidade / Arquivo   ⁄  Sindicatos belgas convocam greve geral para o dia do Conselho Europeu

Sindicatos belgas convocam greve geral para o dia do Conselho Europeu

Sindicatos na Bélgica anunciaram greve geral para 30 deste mês, o mesmo dia em que se vai realizar o Conselho Europeu em Bruxelas.
Lusa
Conselho Europeu vai discutir políticas de crescimento no dia da greve geral Getty Images Conselho Europeu vai discutir políticas de crescimento no dia da greve geral

Os principais sindicatos belgas anunciaram hoje a realização de uma greve geral a 30 de janeiro para contestar as políticas de austeridade do governo e da União Europeia, protesto que coincide com a realização em Bruxelas do Conselho Europeu.

"Um dia de greve geral a 30 de janeiro é necessário para convencer o governo e os empregadores que têm de ter em conta a realidade social dos trabalhadores e dos beneficiários do sistema social", defendem num comunicado conjunto os três sindicatos envolvidos no protesto, o socialista FGTB, o cristão CSC e o liberal CGSLB.

Os sindicatos já tinham admitido a convocação de uma paralisação geral, mas só agora confirmaram a realização do protesto.

No passado dia 22 de dezembro, a Bélgica paralisou devido a uma greve do sector público, que afetou sobretudo os transportes.

Contra política de austeridade


No dia 30 de janeiro, o protesto também deverá abranger o setor privado.

"Na sequência da política europeia de austeridade e de um crescimento económico dececionante, a frente comum sindical teme, na Bélgica, novas medidas de austeridade visando os trabalhadores e os beneficiários sociais", acrescentaram os sindicatos, na mesma nota informativa.

Face à ameaça de greve, os responsáveis europeus chegaram a considerar antecipar a realização do Conselho Europeu, inicialmente previsto para o dia 30 (segunda-feira), para 29 de janeiro (domingo).

Na semana passada, o presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy, confirmou a realização da cimeira para o dia inicialmente previsto.

"A data e o local da cimeira informal dos membros do Conselho Europeu estão confirmadas para 30 de janeiro de 2012 em Bruxelas", referiu então Rompuy, num comunicado oficial.

A cimeira do final deste mês deve teoricamente abordar temas como o crescimento e a poupança, que têm sido preteridos da agenda devido à atual crise da dívida em diversos Estados-membros.

Comentários 4 Comentar
ordenar por:
mais votados ▼
Bélgica:com crescimento, porque esteve sem governo
Os Sindicatos na Bélgica estão a brincar com o fogo...

A Bélgica é dos poucos países da UE que tem crescimento económico, porque não foi possível, durante quase dois anos, implementar medidas de austeridade, dado que têm sido governados, até Dezembro último, por governos de gestão.

Se os sindicatos refilarem muito, os políticos vão conseguir implementar medidas de austeridade, e depois é que são elas...

Por vezes é melhor estar calado...

Fingir que não existimos...

Os políticos lembram-se logo de aumentar impostos, que é nisso que eles são bons.
Re: Bélgica:com crescimento, porque esteve sem gov Ver comentário
Re: Bélgica:com crescimento, porque esteve sem gov Ver comentário
Re: Bélgica:com crescimento, porque esteve sem gov Ver comentário
PUBLICIDADE
Expresso nas Redes
Pub