Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Quantas vezes falhou o SIRESP no verão passado? Ninguém sabe

Ainda não foi nenhum levantamento das falhas do SIRESP no verão passado, nem foram desencadeadas quaisquer multas

Em junho, ou seja, daqui a pouco menos de três meses, fará um ano da tragédia dos incêndios de Pedrógão Grande. Ainda no verão de 2017, o Governo anunciou que iria multar a SIRESP, SA pelas falhas na rede de emergência nacional nos vários incêndios do ano. Contudo, até agora, não foi nenhum levantamento das falhas do consórcio, nem foram desencadeadas quaisquer multas, avança o “Público” esta quarta-feira.

A intenção anunciada pelo Ministério da Administração Interna (MAI), no ano passado, ainda não passou disso. Mais: segundo o matutino, além de não ter aplicado multas, a entrada no capital do Estado na empresa também ainda não saiu do papel.

Confrontado pelo “Público”, o MAI negou ter desistido do processo. “Não é verdade que o Governo tenha desistido da aplicação de penalidades”, respondeu o gabinete de Eduardo Cabrita ao jornal.

Porém, o MAI admitiu também que o processo ainda não teve desenvolvimentos. “Está ainda em curso a plena averiguação das situações de indisponibilidade do sistema suscetíveis de determinar a aplicação de penalidades”, disse.