Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Depois do PSD, Passos opta pela vida académica

Pedro Passos Coelho após falar aos jornalistas na sede do partido em Lisboa depois da divulgação dos resultados autárquicas

MIGUEL A. LOPES

O ex-primeiro-ministro tenciona dar aulas em várias universidades do país, escreve o “DN” esta manhã, confirmando a notícia dada pelo Expresso em outubro

No curto prazo, o futuro de Pedro Passos Coelho, que no domingo passa o leme do PSD a Rui Rio, já estará decidido, avança o “Diário de Notícias” esta quinta-feira.

À semelhança de outros líderes partidários no passado – o caso de António José Seguro, depois de ter perdido as primárias para António Costa, por exemplo –, Passos irá dedicar-se à vida académica, tal como o Expresso já tinha antecipado em outubro.

O ex-primeiro-ministro tenciona dar aulas em várias universidades do país; Passos estará decidido a sair debaixo das luzes dos holofotes: ainda esta semana, lembremos, afirmou que “agora os protagonistas são outros”. Ou seja, o líder social-democrata irá dar espaço para Rui Rio afirmar-se no país e no partido.

A longo prazo, Passos Coelho poderá regressar à política nacional daqui a alguns anos, já com ambições maiores. No domingo à noite, Marques Mendes, no seu espaço de comentário político na SIC, admitiu a hipótese de no futuro Passos poder protagonizar uma candidatura à Presidência da República.