Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Subsídio extra para desempregados de longa duração pode chegar a 13 mil portugueses

Os potenciais beneficiários deste subsídio vão começar a ser notificados pela Segurança Social ainda durante esta semana

Desempregados de longa duração, que tenham esgotado o subsídio social há pelo menos 180 dias e continuem sem rendimentos, vão passar a poder contar com outra ajuda do Estado muito em breve: um apoio extra durante seis meses com um valor equivalente a 80% do seu subsídio social de desemprego.

Os potenciais beneficiários deste subsídio vão começar a ser notificados pela Segurança Social ainda durante esta semana e têm 90 dias para apresentar o pedido, conta o “Diário de Notícias” esta quarta-feira.

A não entrega do requerimento nos prazos indicados implica a perda do direito a essa prestação - o valor desta ronda os 343 euros quando o desempregado vive sozinho ou os 428,9 euros quando viver com familiares.

Para se aceder à medida é necessário que a situação de desemprego tenha sido involuntária. Ou seja, que não tenha sido o próprio trabalhador a demitir-se.

De acordo com os dados facultados pelo Ministério do Trabalho e da Segurança Social ao matutino, há cerca de 13 mil desempregados de longa duração em Portugal que preenchem os requisitos para beneficiar do apoio extraordinário.