Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

António Tavares abre porta a candidatura à distrital do PSD/Porto

Depois do mau resultado do partido nas autárquicas, aquele que foi o mandatário de Álvaro Almeida, candidato dos sociais-democratas à Câmara do Porto, defende a necessidade de o partido fazer um debate interno, “para devolver o PSD às bases”

António Tavares, que foi mandatário de Álvaro Almeida, o candidato social-democrata à Câmara do Porto, está disponível “para ajudar o partido”, admitindo a possibilidade de se candidatar à liderança da distrital do Porto, avança esta terça-feira o jornal “Público”.

Depois do mau resultado registado pelo PSD nas eleições autárquicas de domingo, António Tavares diz estar “disponível para participar num debate interno” e para assumir “todas as consequências dessa disponibilidade”, o que “pode passar por uma candidatura à distrital do PSD”. O mandato de António Bragança Fernandes, atual líder do PSD/Porto, termina no verão de 2018.

Para António Tavares, mais dp que “encontrar os culpados desta hecatombe”, é preciso refletir e “devolver o PSD às bases”. Citado pelo “Público”, o também presidente da mesa da comissão política concelhia do PSD-Porto é lacónico quanto à questão da liderança do partido: se Passos Coelho “não tiver condições para ficar, tem de haver alternativas”.