Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Dez câmaras acumulam 40% das dívidas

PHILIPPE HUGUEN/ Getty Images

Das dez câmaras mais endividadas, oito estão sob a alçada do PS e duas do PSD

Dez autarquias portuguesas concentram cerca de 40% dos pagamentos em atraso – dívidas – ao nível nacional, revela o “Público” esta terça-feira.

Das dez câmaras mais endividadas, oito – Fornos de Algodres, Nordeste, Cartaxo, Vila Franca do Campo, Portimão, Nazaré, Alfândega da Fé e Paços de Ferreira – estão sob a alçada do PS e duas – Fundão e Vila Real de Santo António – do PSD.

O matutino alerta que existem casos de dívidas acumuladas e passadas de um partido para o outro e tirar ilações políticas poderá ser errado. Nas eleições autárquicas de 2013, o PS conquistou quatro das câmaras com maiores dívidas ao PSD, por exemplo.

Segundo os dados provisórios da Direcção-Geral das Autarquias Locais fornecidos ao “Público”, as dez autarquias portuguesas menos endividadas demoraram, no ano passado, em média nove dias a pagar aos seus fornecedores.

Por sua vez, as dez autarquias mais endividadas demoraram cerca de 337 dias a saldar as suas dívidas. Nazaré e Portimão, que levaram 1233 e 1290 dias a pagar, inflacionam a média, nota o matutino.