Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Governo pondera baixar IRS a senhorios que ofereçam contratos de arrendamento de longa duração

Luí­s Barra

Uma das medidas que está a ser estudada passa pela redução da atual taxa especial de 28% aplicada aos rendimentos prediais da categoria F do IRS

Após o aumento do IRS para os senhorios do alojamento local, o executivo de António Costa está a ponderar uma baixa para aqueles que optem por colocar os seus imóveis no arrendamento habitacional de longa duração, conta o “Jornal de Negócios” esta quarta-feira.

Pelo que apurou o matutino, uma das medidas que está a ser estudada passa pela redução da actual taxa especial de 28% aplicada aos rendimentos prediais da categoria F do IRS. Com isto, pretende-se que sejam abrangidos apenas contratos de arrendamento habitacional com períodos longos, com pelo menos dez anos. Porém, ainda há muitos detalhes por fechar.

A confirmar-se, esta medida deverá ser incluída no Orçamento do Estado para 2018. Para além disso, outra ideia que também estará a ser discutida pelo Governo é a criação de um seguro de renda, já há muito reclamado pelas associações de senhorios.

As soluções que estão a ser estudadas pelo Governo pretendem dar resposta à situação que se tem feito sentir em Lisboa e Porto, onde o crescimento do turismo tem levado os proprietários a apostarem no alojamento local, mais lucrativo, retirando os seus imóveis do arrendamento tradicional.