Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Venda no Novo Banco deverá ser aprovada por Bruxelas até 17 de julho

Tiago Miranda

De acordo com um anúncio publicado este mês no Jornal Oficial da União Europeia, a operação de venda do Novo Banco foi notificada à Direcção-Geral da Concorrência da Comissão Europeia a 12 de junho

A Comissão Europeia (CE) espera dar luz verde à venda do Novo Banco à Lone Star ainda em julho, avança o “Jornal de Negócios” esta terça-feira. Segundo o matutino, 17 de julho foi a data-limite escolhida por Bruxelas tomar uma posição sobre a operação – esta data está anunciada no site da DGComp.

Ao que tudo aponta, a CE não deverá levantar qualquer entrave à concretização do negócio, dado que a transacção vai ser avaliada através de um procedimento simplificado.

De acordo com um anúncio publicado este mês no Jornal Oficial da União Europeia, a operação de venda, acordada entre a Lone Star e o Fundo de Resolução a 31 de março, foi notificada à Direcção-Geral da Concorrência da Comissão Europeia (DGComp) a 12 de junho.

Nessa missiva, a Comissão Europeia considerou que a venda do Novo Banco ao fundo norte-americano é “susceptível de beneficiar de procedimento simplificado”, tendo em conta que a presença residual da Lone Star no mercado europeu. Ou seja, o processo de venda será célere.