Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Ricciardi testemunhou contra Sócrates e Salgado

Tiago Miranda

O ex-banqueiro foi inquirido em fevereiro e o seu depoimento no DCIAP prolongou-se por vários dias. Ricciardi falou sobre os negócios da PT: a venda da Vivo à Telefónica e compra da Oi pela PT

José Maria Ricciardi, o primo de Ricardo Salgado que liderava a sucursal Banco Espírito Santo de Investimento (BESI), já foi ouvido como testemunha no âmbito da Operação Marquês, processo que envolve o ex-primeiro-ministro José Sócrates, avança o “Correio da Manhã” esta terça-feira.

Pelo que apurou o matutino, o ex-banqueiro foi inquirido em fevereiro e o seu depoimento no DCIAP prolongou-se por vários dias. Ricciardi falou sobre os negócios da PT: a venda da Vivo à Telefónica e compra da Oi pela PT, nos quais o BESI esteve envolvido.

Para além disso, o primo de Ricardo Salgado também foi inquirido sobre a ES Enterprises – o dito saco azul do Grupo Espírito Santo (GES) – de onde terá saído dinheiro para José Sócrates, Zeinal Bava e Henrique Granadeiro.

Segundo o “CM”, José Maria Ricciardi, questionado pelo procurador Rosário Teixeira e o inspetor tributário Paulo Silva, distanciou-se da existência da ES Enterprises; o seu depoimento terá sido ainda favorável à linha da investigação em curso, conta o matutino.