Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Venda de banco da Caixa na África do Sul dá prejuízo de €74 milhões

Luís Barra

A Caixa já registou uma imparidade de 18 milhões nas contas de 2016, de forma a preparar a alienação do Mercantile Bank

A venda ainda este ano do Mercantile Bank, instituição bancária que a Caixa Geral de Depósitos detém na África do Sul, deverá penalizar as contas da instituição em 74 milhões de euros, conta o “Jornal de Negócios” esta quarta-feira.

O matutino revela que a Caixa já registou uma imparidade de 18 milhões nas contas de 2016, de forma a preparar a alienação do banco. O restante prejuízo deverá advir da desvalorização da moeda sul-africana – cerca de 56 milhões de euros.

Segundo as expectativas da equipa de gestão da Caixa liderada por Paulo Macedo, o impacto cambial da venda do Mercantile, que o banco controla a 100%, deverá ser contabilizado já este ano.

“Existe a perspetiva de ser altamente provável que a venda seja finalizada ainda em 2017, não tendo sido nesta data identificados potenciais impedimentos processuais, ou de outra natureza, à implementação deste calendário”, lê-se no relatório e contas.