Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Abertura da ADSE derrapa para o início do verão

David Clifford

Abertura a novos beneficários estava prevista para o final de maio

A abertura da ADSE a novos beneficiários - trabalhadores de empresas públicas, cônjuges de funcionários públicos e os filhos entre os 26 e os 30 anos - estava previsto para o final de maio, mas essa meta temporal parece estar prestes a derrapar, conta o “Público” esta quarta-feira.

Segundo o matutino, os sindicatos e associações de reformados que reuniram esta semana com o presidente da ADSE, Carlos Liberato Baptista, saíram desse encontro com a certeza que o novo regulamento de benefícios não entrará em vigor antes do verão.

O motivo deste atraso tem a ver com a eleição dos representantes dos beneficiários que terão assento no conselho geral e de supervisão do instituto que gere a ADSE. A portaria que regula o processo eleitoral tem estado a ser discutida com os parceiros e deverá ser publicada ainda durante este mês.

Depois, no prazo de 60 dias, serão marcadas eleições. Só depois de eleito o novo conselho geral é que haverá condições para aprovar o novo regulamento e a expectável abertura a novos beneficários.