Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Saúde abre concurso para a contratação urgente de 349 médicos

paulo vaz henriques

Interessados têm apenas cinco dias para apresentarem as suas candidaturas. Dos 349 lugares postos a concurso, 46 destinam-se ao Centro Hospitalar do Algarve. Para o Hospital Amadora-Sintra, foram abertas 18 vagas

A Administração Central de Saúde (ACSS) abriu na segunda-feira, através de publicação em Diário da República, um concurso para a contratação urgente de 349 médicos para várias unidades do Serviço Nacional de Saúde (SNS), avança o “Público” esta quinta-feira. Interessados têm apenas cinco dias para apresentarem as suas candidaturas.

Este curto prazo é justificado pela ACSS por esta ser uma “contratação urgente” de modo a que seja possível colmatar, “com a maior brevidade possível, as necessidades mais prioritárias dos serviços e estabelecimentos”.

Para o bastonário da Ordem dos Médicos, José Manuel Silva, a abertura deste concurso e da reposição do pagamento de horas extraordinárias aos médicos, previsto no Orçamento do Estado para 2017, são bons sinais para o futuro. A conjugação destas duas medidas “irá resolver muitos dos constrangimentos existentes tanto nos serviços, como nas urgências”, disse ao matutino.

Já o presidente do Sindicato Independente dos Médicos, Roque da Cunha, diz-se “bastante pessimista” quanto aos resultados deste concurso. “Nos concursos que têm vindo a realizar-se nos últimos anos, cerca de 20% das vagas ficam por preencher”, explicou.

Dos 349 lugares postos a concurso, 46 destinam-se ao Centro Hospitalar do Algarve, instituição onde têm ocorrido vários problemas e queixas devido à falta de médicos. Para o Hospital Amadora-Sintra, que também tem sido um foco de queixas, foram abertas 18 vagas.

A especialidade com mais vagas a concurso é a de Medicina Interna (45). Pediatria Médica tem 41, Anestesiologia ficou com 24, Cirurgia Geral com 16, Psiquiatria com 18 e há ainda 15 vagas para Ginecologia/obstetrícia.