Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Extorsão, burlas e chantagem sexual crescem na internet

VALERY HACHE/GETTY

Estes são os tipos de crimes que dispararam este ano, em contraciclo com a descida da criminalidade geral

A criminalidade geral desceu 6,5% até ao terceiro trimestre deste ano, revela o Relatório de Análise da Criminalidade Participada divulgado esta segunda-feira pelo “Diário de Notícias.”

De acordo com o documento – que foi debatido no início do mês pelos líderes das forças policiais –, registaram-se menos 10,5% casos de crimes violentos no mesmo período. Os roubos com violência na rua, assaltos a carros e casas desceram em média cerca de 15%.

Já as extorsões, sobretudo as de ordem sexual, e as burlas informáticas dispararam para 70% e 20%, o que corresponde a uma subida de 1200 participações face a período homólogo do ano passado. Também a chantagem registou mais 150 participações quando comparada com igual período de 2015.

O presidente do Observatório de Segurança. Criminalidade Organizada e Terrorismo, António Nunes, disse ao DN que é essencial promover a cooperação entre os organismos de defesa do consumidor para aumentar a segurança no universo online.