Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Número de autarquias que aplicam IMI familiar vai diminuir em 2017

FOTO JOÃO CARLOS SANTOS

De acordo com dados do Ministério das Finanças cedidos ao “Jornal de Notícias”, a Autoridade Tributária e Aduaneira registou a adesão de 209 municípios ao IMI Familiar para 2017, menos 11 do que este ano

O número de autarquias que pretende aplicar uma redução do IMI às famílias com dependentes vai diminuir em 2017, avança o “Jornal de Notícias” esta segunda-feira.

De acordo com dados do Ministério das Finanças cedidos ao matutino, a Autoridade Tributária e Aduaneira registou a adesão de 209 municípios ao IMI Familiar para 2017, menos 11 do que este ano.

Já no sentido contrário, vai aumentar o número de autarquias que no próximo ano pretende aplicar a taxa mínima (0,3%) do imposto municipal sobre os imóveis.

O IMI familiar foi aplicado pela primeira vez este ano, relativamente ao imposto de 2015, e representa um desconto de 10% para famílias com um filho, 15% para quem tiver dois dependentes, e até 20% para quem tiver três ou mais filhos.

Cabe às autarquias decidir anualmente se querem, ou não, aplicar o desconto do IMI às famílias. Essa decisão, por regra, tem de ser comunicada à Autoridade Tributária em novembro.