Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Pedro Lomba abandona Gabinete de Estudos do PSD

FOTO Tiago Miranda

Pedro Lomba ocupava a direção do Gabinete de Estudos desde abril. A decisão de sair do antigo secretário de Estado já foi comunicada a Pedro Passos Coelho

Pedro Lomba, ex-secretário de Estado adjunto do ministro adjunto Miguel Poiares Maduro, vai abandonar o cargo de coordenador do Gabinete de Estudos do PSD, que assumiu em abril, para se dedicar “integralmente à vida profissional como advogado e universitário”, conta o “Público” esta quarta-feira.

A decisão do social-democrata já foi comunicada a Pedro Passos Coelho, revelou o próprio ao matutino. Lomba ocupava a direção do Gabinete de Estudos desde abril, após o Congresso de Espinho que reconduziu Passos na liderança do partido.

“Um gabinete de estudos de um partido trabalha um leque de matérias vasto, desde a preparação de reformas sectoriais à reforma urgente das instituições públicas e, sobretudo, os novos temas, como a identificação das próprias bases sociais das reformas”, disse ao “Público”.

Para o ex-secretário de Estado, tendo em conta o tempo e investimento que o cargo partidário exige, é-lhe impossível dar uma resposta às reais necessidades. “Exige um compromisso de tempo incompatível com as minhas atuais circunstâncias de vida”, justifica.

Lomba, que chegou à politica como independente no Governo de Passos Coelho, é consultor na PLMJ e assistente na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.

Neste momento, o PSD ainda não nomeou nenhum sucessor para o cargo que Pedro Lomba deixou vago.