Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

“O PSD apresentaria um Orçamento melhor para os portugueses”, diz Passos Coelho

PAULO NOVAIS

“Este é um Orçamento do Estado que aumenta impostos e retira poder de compra aos portugueses. Esse ciclo já tinha terminado”, diz o líder social-democrata em declarações ao “Diário de Notícias”

Pedro Passos Coelho começa esta terça-feira em Aveiro, na Albergaria-a-Velha, um tour de force por Portugal junto do eleitorado social-democrata, para denunciar as fragilidades do Orçamento do Estado para 2017 apresentado por António Costa e deixar alternativas. “O PSD apresentaria um Orçamento do Estado melhor para os portugueses”, garante Passos, na antevisão das Jornadas de Consolidação, Crescimento e Coesão do PSD, em declarações ao “Diário de Notícias”.

O tom das comunicações está definido: descontentamento. “Este é um Orçamento que aumenta impostos e retira poder de compra aos portugueses. Esse ciclo já tinha terminado”, explica o antigo primeiro-ministro.

Esta iniciativa, que terá a duração de um mês, além de discutir o OE2017, pretende ainda contrariar a ideia de que o PSD não faz uma oposição construtiva. Segundo o matutino, o presidente dos sociais-democratas irá revelar quais as alternativas que tem à proposta do Governo socialista, sobretudo ao nível do modelo de economia. Além do ex-primeiro-ministro, Maria Luís Albuquerque, Luís Montenegro, Marco António Costa e Teresa Morais vão participar nestas jornadas, com conferências em todos os distritos.