Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Investimento de 150 milhões de euros assegura fábrica da Renault em Aveiro por mais 15 anos

  • 333

LOIC VENANCE / AFP / Getty Images

Cerca de 20% de todos os automóveis vendidos pelo Grupo Renault – 2,8 milhões em 2015 – saem de fábrica com uma caixa de velocidades produzida na unidade fabril de Cacia

A fábrica Renault Cacia em Aveiro vai continuar a funcionar pelo menos até 2031, avança o “Jornal de Notícias” esta segunda-feira. A administração e os trabalhadores da empresa chegaram a acordo: a fábrica será modernizada e pode até a vir receber mais um novo projeto de produção.

Ao todo, cerca de 150 trabalhadores poderão entrar para os quadros. A fábrica sediada em Portugal deverá receber 150 milhões de euros ao longo dos próximos 15 a 20 anos, embora essa verba possa ser de montante diferente e ainda não tenha sido aprovada pelo grupo francês, sabe o Expresso.

Cerca de 20% de todos os automóveis vendidos pelo Grupo Renault – 2,8 milhões em 2015 – saem de fábrica com uma caixa de velocidades produzida em Portugal.

A unidade de Aveiro, que abriu portas em 1981, faturou em 2015 mais de 280 milhões de euros e foi considerada a melhor do grupo Renault na produção de caixas de velocidade. Neste momento, emprega perto de 1200 pessoas, das quais 200 são contratadas a prazo.

  • Renault avança para nova produção em Cacia

    A intenção da Renault modernizar a fábrica de Cacia tinha sido revelada ao Expresso em julho pelo diretor mundial Thierry Koskas. Agora, foi a vez de ser negociada com os trabalhadores. Resta saber como é que a administração da marca conjugará os investimentos futuros com a procura mundial de automóveis