Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Turismo gera receitas de €1000 milhões por mês

  • 333

FOTO ANTÓNIO PEDRO FERREIRA

A maior fatia das despesas efetuadas em território nacional, durante o mês de junho, foram realizadas por visitantes do Reino Unido, que gastaram 215,8 milhões de euros, seguindo-se a França com 160,4 milhões e a Alemanha com 118,9 milhões

De vento em popa vai o sector do turismo em Portugal: nem durante o Euro 2004 o país faturou tanto por mês. Desde março deste ano, Portugal tem ultrapassado consecutivamente a fasquia dos mil milhões de euros em receitas todos os meses, resultado nunca antes atingido, conta o “Público” esta terça-feira.

Em março foram registadas receitas de 1019 milhões de euros; 1013 milhões em abril; 1023 milhões em maio e 1029 milhões em junho, segundo os dados do Banco de Portugal, divulgados na segunda-feira. “Nem no Europeu de Futebol organizado por Portugal no ano de 2004 se atingiu este volume de receitas”, disse o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, ao “Público”.

Durante esse evento, as receitas ficaram-se pelos 641 milhões de euros em junho – valor que foi considerado extraordinário na altura. Em 2009, a fasquia ficou nos 563 milhões para o mesmo mês. No espaço de sete anos, o valor desta receita praticamente duplicou.

De acordo com os dados do Banco de Portugal, os 1029 milhões de euros de receitas turísticas atingidos em junho agregam todos gastos feitos por turistas estrangeiros em Portugal - estes contam como exportações, o que representa uma subida de 10,4% face ao mesmo período de 2015.

Segundo as estatísticas cedidas ao matutino pelo Turismo de Portugal para o mês de junho, a maior fatia das despesas efetuadas em território nacional partiu de visitantes do Reino Unido (215,8 milhões), seguindo-se França (160,4 milhões) e Alemanha (118,9 milhões).