Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Faltam 736 médicos no SNS

  • 333

Carl Court / Getty Images

As especialidades mais necessitadas são medicina interna (129), anestesistas (57) e psiquiatras (46), de acordo com um despacho publicado na quarta-feira em “Diário da República”. Este diploma dará origem a um concurso de contratação, assegurou o Governo

O Serviço Nacional de Saúde precisa de contratar 736 médicos especialistas, conta o “Correio da Manhã” esta quinta-feira, para fazer frente às necessidades a nível nacional. As regiões em maior carência são o Algarve e Trás-os-Montes.

As especialidades mais necessitadas são medicina interna (129), anestesistas (57) e psiquiatras (46), de acordo com um despacho publicado na quarta-feira em “Diário da República”. Este diploma dará origem a um concurso de contratação.

Segundo o documento, o Governo determinou ser urgente minimizar as desigualdades entre cidadãos no acesso à saúde, principalmente em regiões no interior.

No Centro Hospitalar do Algarve faltam 51 especialistas, para quase todas as áreas. No Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro faltam 37. Pediatria, oftalmologia, cirurgia geral, ginecologia/obstetrícia, oncologia e ortopedia são outras especialidades em falta, conta o matutino.