Siga-nos

Perfil

Expresso

Revista de imprensa

Silva Peneda: “Quase apostava 100 contra 1 como não há sanções para Portugal”

  • 333

Nuno Fox

Antigo ministro e atual consultor informal de Jean-Claude Junker revela à Antena 1 que por duas vezes Cavaco Silva o convidou para integrar a administração da Caixa Geral de Depósitos. “Não quis por vergonha”, diz

“Não acredito que vão existir qualquer tipo de sanções. Há visões de quem muitas vezes pensa que aplicar sanções dá um sinal de credibilidade à Comissão Europeia. E há quem pense que a credibilidade não se mede por isso. Sei que o presidente da Comissão Europeia [Jean-Claude Junker] não aceitará isso [aplicar sanções] e ele tem muita força. É uma convicção minha, mas quase que apostava aqui 100 contra 1, como não há sanções para Portugal”, diz Silva Peneda, antigo ministro social-democrata e consultor informal do presidente da Comissão Europeia, em entrevista à “Antena 1” esta quinta-feira.

Ainda na mesma entrevista, Silva Peneda revela que por duas vezes Cavaco Silva o convidou para integrar a administração da Caixa Geral de Depósitos. "Não quis por vergonha, fui quadro da CCDR Norte, entendi que devia voltar. Agora... mais um que veio para aqui com um tacho porque foi ministro, e entendi que essas acusações até eram justas... sentia-me desconfortável...pronto!", diz.

O social-democrata assume ainda discordar das iniciativas parlamentares do PSD e CDS de avançarem com uma comissão parlamentar de inquérito à Caixa Geral de Depósitos. “Preferia uma auditoria forense, porque tenho dúvidas acerca da eficácia dos resultados do inquérito", diz.

  • Santos Silva em Bruxelas para explicar situação económica e financeira

    O ministro dos Negócios Estrangeiros encontra-se esta quinta-feira com cinco comissários e fala com o gabinete do presidente da Comissão Europeia. Santos Silva quer atualizar Bruxelas quanto à situação económica e financeira de Portugal, numa altura em que se aproxima a decisão da Comissão que pode abrir a porta a sanções

  • Centeno fala com Dombrovskis e Moscovici no Luxemburgo

    Ministro das Finanças falou com o Comissário Moscovici de manhã e com o Vice-Presidente Valdis Dombrovskis à tarde, à margem da reunião do Eurogrupo. Com o primeiro falou da “melhor maneira de avançar” numa altura em que Bruxelas tem de decidir se aplica sanções. Com o segundo discutiu o sector bancário

  • OCDE está contra sanções a Portugal e Espanha

    O secretário-geral da OCDE, Ángel Gurría, considera que Portugal e Espanha fizeram um “grande esforço de consolidação orçamental” e estão entre os países que “mais” reformas tiveram de aplicar