Anterior
Grécia atrapalha contas do Euro. Agora no futebol
Seguinte
Adeptos russos agrediram stewards na Polónia
Página Inicial   >  Dossiês  >  Dossies Desporto  >  Euro 2012  >   Rep. Checa só tinha um Pilar, Rússia construiu a goleada

Rep. Checa só tinha um Pilar, Rússia construiu a goleada

Rússia arrasa Rep. Checa (4-1) com bis de Dzagoev, estrela do CSKA que tem meia Europa atrás. Tão atrás como a defesa dos checos, que ainda reduziram por Pilar mas não travaram a avalanche ofensiva russa.

|
Alan Dzagoev bisou na partida
Alan Dzagoev bisou na partida / Dominic Ebenbichler/Reuters

A Rússia partia com ligeiro favoritismo frente à Rep. Checa mas acabou por ter um domínio avassalador, sobretudo assente em saídas rápidas para o ataque que valeram quatro golos e outras tantas oportunidades de golo. 4-1 foi o resultado final que coloca a equipa de leste no comando do grupo A na primeira jornada, com três pontos

O MINUTO 79'. A Rússia parecia ter o jogo controlado mas o golo de Pilar relançou de novo a Rep. Checa no resultado. E já se sabe, num instante tudo pode mudar. Neste caso, não mudou: Dzagoev bisou num remate sem hipóteses para Cech e aniquilou as esperanças checas

O MOMENTO As substituições de Advocaat. O mais fácil era refrescar a equipa com tração atrás para segurar o resultado; ao invés, trocou unidades com características idênticas na frente, refrescou o ataque e conseguiu não só travar os checos como chegar à goleada

O HERÓI Dzagoev. Por norma, nas grandes competições, são poucos os elementos jovens que são apontados como possíveis surpresas e se confirmam como tal mas este médio de 21 anos conseguiu mesmo mostrar-se: dois golos, outras tantas oportunidades e muito, muito futebol nos pés de uma Rússia que espreita uma surpresa na prova

A ESTRELA Arshavin. Pode até nem ser o melhor jogador desta seleção - pode, mas provavelmente é... - mas sabe mexer no jogo como ninguém, abrindo espaços e assumindo o ritmo da partida. Ele que, curiosamente, 'explodiu' enquanto jogador no Campeonato da Europa... de 2008 

O JOKER Pavlyuchenko. Entrou para refrescar o ataque e não demorou a fazer mossa: teve influência direta no 3-1 que sentenciou o encontro e ainda disparou um míssil que fuzilou Petr Cech. O avançado que joga agora no Lokomotiv de Moscovo tem características pouco usuais nos avançados e mostrou uma delas: para se destacar não precisa de tempo para aquecer ou adaptar-se; basta apenas... jogar 

O VILÃO Kerzakhov. Ok, não esteve globalmente mal. E aceita-se a ideia que teve a sua contribuição para os 15 minutos diabólicos da Rússia que levaram ao parcial 2-0. Mas estamos no Euro, a maior competição de seleções no Velho Continente - e aí não se podem desperdiçar tantas oportunidades de golo com remates desenquadrados da baliza. Mas atenção: Denisov e a defesa checa também podiam estar aqui...

O SEGREDO As transições ofensivas. Ou saídas rápidas para o ataque. Ou contra-ataque. Ou contra golpe. Qualquer que sejam os termos utilizados para o fenómeno, uma coisa é certa: a Rússia tem elementos acima da média do meio-campo para a frente que, em três/quatro toques, conseguem criar oportunidades de golo, sobretudo em diagonais

O ERRO As compensações mal feitas e os posicionamentos incorretos da Rep. Checa em situações defensivas. Porque, a atacar, tem até um futebol agradável (de ver e de jogar). O pior é mesmo o resto: juntando a lentidão dos centrais, a inexperiência dos laterais e a passividade dos médios, a mistura só poderia ser a ideal para os russos explodirem e aproveitarem as autênticas avenidas entrelinhas para acelerarem a fundo

O NÚMERO 7. A Rússia joga com a camisola vermelha mas se preferisse o azul ninguém estranhava. Pelo menos, o azul do Zenit, equipa que forma a base do onze inicial de Advocaat com sete jogadores, do guarda-redes (Malafeev) ao ponta-de-lança (Kerzhakov)

O ACONTECIMENTO Gebre Selassie - não confundir com o maratonista etíope, apesar de também ser um papa quilómetros - tornou-se o primeiro negro a jogar pela Rep. Checa, agora em fases finais do Euro. Curiosamente, o jogador tem família da Etiópia mas só foi lá uma vez. E quando é vítima de ataques racistas, tem a resposta na ponta da língua: "Há um negro a mandar no país mais poderoso do mundo e discutem a minha presença na seleção da Rep. Checa?"

O AMANHÃ Perspetivas diferentes para as seleções. Vá, são mesmo opostas - a Rep. Checa está obrigada a ganhar à Grécia para aspirar ainda aos 'quartos'; a Rússia tem pressão zero contra a anfitriã Polónia e até o empate pode colocar os comandados de Advocaat em posição privilegiada de passarem no primeiro lugar do grupo A 

FICHA DE JOGO Estádio Municipal de Wroclaw. Árbitro: Howard Webb (Inglaterra). Rússia: Malafeev; Anyukov, Ignashevich, Berezutski, Zhirkov; Denisov, Shirokov, Zyryanov; Dzagoev (Kokorin, 85'), Arshavin e Kerzhakov (Pavlyuchenko, 73'). Treinador: Dick Advocaat. Rep. Checa: Petr Cech; Gebre Selassie, Kadlec, Hubnik, Sivok: Rezek (Hubschman, 46'), Pilar, Plasil, Jiracek (Petrzela, 76'); Rosicky e Baros (Lafata, 86'). Treinador: Michal Bilek. Golos: 1-0, Dzagoev (15'); 2-0, Shirokov (24'); 2-1, Pilar (52'); 3-1, Dzagoev (79'); 4-1, Pavlyuchenko (82') 


Opinião


Multimédia

Dez verdades assustadoras sobre filmes de terror

Este vídeo é como o monstro de "Frankenstein": ganhou vida graças à colagem de partes de alguns dos filmes mais aterrorizantes de sempre. Com uma ratazana mutante e os organizadores do festival de cinema de terror MotelX pelo meio. O Expresso foi à procura das razões que explicam o fascínio pelo terror, com muito sangue (feito de corante alimentar) à mistura. 

A paixão do vinil

Se para muitos o vinil é apenas uma moda que faz parte da cultura do revivalismo vintage, para outros ver o disco girar nunca deixou de ser algo habitual.

Portugal foi herdado, comprado ou conquistado?

Era agosto em Lisboa e, às portas de Alcântara, milhares de homens lutavam por dois reis, participando numa batalha decisiva para os espanhóis e ainda hoje maldita. Aconteceu em agosto de 1580. Mais de 400 anos depois, o Expresso deu-lhe vida, fazendo uma reconstituição do confronto através do recorte e animação digital de uma gravura anónima da época.

O Maradona dos bancos centrais

Dizer que Mario Draghi está a ser uma espécie de Maradona dos bancos centrais pode parecer estranho. Mas não é exagerado. Os jornalistas João Silvestre e Jorge Nascimento Rodrigues explicaram porquê num conjunto de artigos publicado no Expresso em Novembro de 2013 e que venceu em junho deste ano o prémio de jornalismo económico do Santander e da Universidade Nova. O trabalho observa ainda o desempenho de Ben Bernanke no combate à crise, revisita a situação em Portugal e arrisca um ranking dos 25 principais governadores de bancos centrais. Republicamos os artigos num formato especial desenvolvido para a web.

Com Deus na alma e o diabo no corpo

Quem os vê de fora pode pensar que estão possuídos. Eles preferem sublinhar o lado espiritual e terapêutico desta dança - chamam-lhe "krump" e nasceu nos bairros pobres dos Estados Unidos. De Los Angeles para Chelas, em Lisboa, já ajudou a tirar jovens do crime. Ligue o som bem alto e entre com o Expresso no bairro. E faça o teste: veja se consegue ficar quieto.

O Cabo da Roca depois da tragédia que matou casal polaco

Os turistas portugueses e estrangeiros que visitam o Cabo da Roca, em Sintra, continuam a desafiar a vida nas falésias, mesmo depois da tragédia que resultou na morte de um casal polaco, cujos filhos menores estavam também no local. Durante a visita do Expresso, um segurança tentou alertar os turistas para o perigo e refere a morte do casal polaco. O apelo não teve grande efeito. Veja as imagens.

Ó Capitão! meu Capitão! ergue-te e ouve os sinos

Ele foi a nossa ama... desajeitada. Ele foi o professor que nos inspirou no liceu. Ele trouxe alegria, mesmo nas alturas mais difíceis. Ele indicou-nos o caminho na faculdade. Ele ensinou-nos a manter a postura, mas também a quebrar preconceitos. Ele ensinou-nos que a vida é para ser aproveitada a cada instante. Ó capitão, meu capitão, crescemos contigo e vamos ter de envelhecer sem ti. 

Crumble. A sobremesa mais fácil do mundo

Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida, especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Voámos num F-16

Um piloto da Força Aérea voou com uma câmara GoPro do Expresso e temos imagens inéditas e exclusivas para lhe mostrar num trabalho multimédia.

Salada de salmão com sorvete de manga

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Por faróis nunca dantes navegados

São a salvaguarda dos navegantes, a luz que tranquiliza o mar. Há 48 faróis em Portugal continental e nas ilhas. Este é um acontecimento único: todos os faróis e 1830 km de costa disponíveis num mesmo trabalho. Para entendê-los e vê-los, basta navegar neste artigo.

Parecem casulos onde gente hiberna à espera de ver terra

No Porto de Manaus não há barcos, mas autocarros bíblicos que caminham sobre água. Têm vários andares e estão cheios de camas de rede que parecem casulos onde homens, mulheres e crianças aguardam o destino. E há gente a vender o que houver e tiver de ser junto ao Porto. "Como há Copa, tem por aí muito gringo que vem ter com 'nóis'. E então fica mais fácil vender"

O adeus de Lobo Antunes às aulas de medicina

O neurocirurgião deu terça-feira a sua "Última Lição" no auditório do Instituto de Medicina Molecular da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, na véspera de deixar o seu trabalho no serviço nacional de saúde.

Jaguar volta a fabricar desportivo dos anos 60

Até ao verão será fabricado um número limitado de desportivos Jaguar E-Type Lightweight, seguindo todas as especificações originais, incluindo a continuação do número de série das unidades produzidas em 1963.


Comentários 2 Comentar
ordenar por:
mais votados
Euro 2012 = Holocausto Animal
Dezenas de milhares de cães e gatos foram mortos a tiro (sem ser certeiro), envenenados, queimados vivos, etc., na Ucrânia para que as ruas ficassem 'limpas' aquando do Europeu de 2012.

As autoridades europeias e as instituições de futebol - UEFA, FIFA, FPF e demais - têm conhecimento disto mas ninguém quer saber...

Os meios de comunicação social 'mainstream' não dão grande cobertura mediática a este holocausto animal porque eles pertencem à 'elite' que controla tudo, inclusivamente o futebol!

Eu sou um activista dos direitos dos animais e isto já se sabe há algum tempo entre nós, mas infelizmente os meios de comunicação social 'mainstream' - porque não lhes convém - resolveram não dar a cobertura mediática que esta situação merecia!

Se querem provas os seguintes links podem ajudar:
- www.thesun.co.uk/sol/homepage/news/3968312/Dogs-slaughtered-for-Euro-2012-in-Ukrain e.html
- www.people.co.uk/news/uk-world-news/2012/04/29/ukraine-caught-out-again-over-euro-2 012-dog-slaughter-102039-23840991/
- www.memefest.org/en/openblog/2011/11/stop-the-killing-of-dogs-and-cats-for-the-euro pean-football-championship/
- ipowerproject.com/forum/topics/animal-cruelty-in-the-name-of-the-uefa-european-foot ball
- www.piaberrend.org/ukraine-mass-killings-of-strays-are-intensified-in-order-to-show -the-world-a-clean-country-at-eu/
- www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=UpCHIf3ouNE#
Euro 2012 = Holocausto Animal (2)
A questão que se coloca agora é: vão compactuar com isto ou vão ter a coragem de boicotar o Europeu!?

O que que aconteceu e está a acontecer não é mais do que um holocausto animal e ninguém tem a coragem de fazer o que quer que seja para o parar!

Assim sendo, a escolha fica ao nosso critério - ou enterramos a cabeça na areia e fingimos que nada se passou ou boicotamos tudo o que tenha a ver com o Europeu.

Curiosamente, não vejo os jogadores protestarem contra esta situação - isso diz muito sobre eles!
Muitos deles têm cães (de raça que é mais chique!) e dizem que gostam muito deles! Acho que eles não iriam permitir que os seus animais fossem torturados até à morte - então, por que razão deixam eles que os cães e gatos na Ucrânia estejam a ser dizimados!? É por serem 'vadios'? Será que eles não têm direito à vida tal como os animais dos jogadores!?

Que mundo este! Hipocrisia, crueldade, ganância, estupidez, arrogância, enfim poderia continuar indefinidamente...
E os humanos ainda se julgam a espécie superior e a mais inteligente!?
Está bem está...

Vão lá ver a ‘bola’, bebam umas cervejolas e continuem indiferentes ao massacre animal que se passou na Ucrânia!
Entretenham-se com a ‘bola’ e mantenham-se distraídos enquanto a ‘elite’ nos rouba à descarada e nos tira todos os direitos e liberdades! ...
Comentários 2 Comentar

Últimas


Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Últimas


Pub