Anterior
Sporting: Assembleia geral da SAD em setembro
Seguinte
Braga: Sonho da champions continua vivo
Página Inicial   >  Desporto  >   Queiroz: Suspensão de um mês "deve ser rumor"

Queiroz: Suspensão de um mês "deve ser rumor"

"Não quero parecer ingénuo, mas se a reunião é só amanhã, como é que o castigo já é conhecido hoje?" Foi desta forma que o selecionador nacional  reagiu à notícia avançada hoje pela "TVI" sobre a suposta decisão do Conselho de Disciplina da FPF.
Lusa |
Queiroz remete para o seu advogado, Rui Patrício, qualquer posição pública sobre todo este processo
Queiroz remete para o seu advogado, Rui Patrício, qualquer posição pública sobre todo este processo / Ivan Sekretarev/AP

O selecionador nacional de futebol, Carlos Queiroz , disse à Agência Lusa, que a notícia avançada hoje pela TVI, segundo a qual o Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) decidiu suspendê-lo por um mês, "deve ser um rumor".

"Não quero parecer ingénuo, mas se a reunião do CD é só amanhã, como é que o castigo já é conhecido hoje? Que eu saiba, os tribunais não tomam decisões antes de reunirem para decidir, não é assim que as coisas funcionam", disse Carlos Queiroz, surpreendido com a notícia de que o CD da FPF lhe teria aplicado uma suspensão de um mês.

Questionado se seria apanhado de surpresa caso se viesse a confirmar esta quinta feira a suspensão por um mês, o selecionador preferiu não responder: "Não vou fazer comentários sobre essa matéria. Remeto para o meu advogado, Rui Patrício, qualquer posição pública sobre todo este processo em que me envolveram".



Opinião


Multimédia

O papa-medalhas que veio do espaço

O atleta português mais medalhado de sempre, Francisco Vicente, regressou dos campeonatos europeus de veteranos, na Turquia, com novas lembranças ao pescoço. Três de ouro e duas de prata para juntar à coleção. Tem 81 medalhas, uma por cada ano de vida.

Tudo o que precisa de saber sobre o ébola, em dois minutos

Porque é que este está a ser o pior surto da história? Como é que os primeiros sintomas se confundem com os de outras doenças? É possível viajar depois de ter contraído o vírus, sem transmitir a doença? E estamos ou não perto de ter uma vacina? O Expresso procurou as respostas a estas e outras dúvidas sobre o ébola.

United Colors of Gnocchi

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Vai pagar mais ou menos IRS? Veja as simulações

Reforma do imposto protege quem tem dependentes a cargo, mas pode penalizar os restantes contribuintes. Função pública e pensionistas vão ter mais dinheiro disponível. Veja simulações para vários casos.

A última viagem do navio indesejado

Construído nos Estaleiros de Viana e pensado para fazer a ligação entre ilhas nos Açores, o Atlântida foi recusado pelo Governo Regional por alegadamente não atingir a velocidade pretendida. Contando com os custos associados à dissolução do contrato, o prejuízo ascendeu a 70 milhões de euros. Foi agora comprado a "preço de saldo", para mudar de nome e ser reconvertido num cruzeiro na Amazónia. Fizemos a última viagem do Atlântida e vamos mostrar-lhe os segredos do navio.

Strogonoff de peixe espada preto

Faz agora cinco anos que o Chefe Tiger, especialista em pratos de confeção acessível e com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, começou esta aventura gastronómica. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Caril de banana

Faz agora cinco anos que o Chefe Tiger, especialista em pratos de confeção acessível e com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, começou esta aventura gastronómica. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Tem três minutinhos? Vamos explicar-lhe o que muda no orçamento de 350 mil portugueses (e no de muitas empresas)

O novo salário mínimo entrou em vigor. São mais €20 brutos para cerca de 350 mil portugueses (números do Ministério da Segurança Social, porque os sindicatos falam em 500 mil trabalhadores). Mudou o valor, mas também os descontos que as empresas fazem para a Segurança Social. Porque se trata de uma medida que afeta a vida de muitos portugueses, queremos explicar o que se perde e o que se ganha, o que se altera e o que se mantém.

Cantaril com risotto de espargos

Faz agora cinco anos que o Chefe Tiger, especialista em pratos de confeção acessível e com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, começou esta aventura gastronómica. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Music fighter: temos Marco Paulo e Bruno Nogueira numa batalha épica

Está preparado para um dos encontros mais improváveis na história da música portuguesa? O humorista Bruno Nogueira e a cantora Manuela Azevedo, dos Clã, pegaram em várias músicas consideradas "pimba" - daquelas que ninguém admite ouvir mas que, no fundo, todos vão dançar assim que começam a tocar - e deram-lhe novos arranjos, num projeto que chegou aos coliseus de Lisboa e do Porto.  "Ninguém, ninguém", de Marco Paulo, tem possivelmente a introdução mais acelerada e frenética do panorama musical português. Mas, no frente-a-frente, quem é o mais rápido? Vai um tira-teimas à antiga?

Dez verdades assustadoras sobre filmes de terror

Este vídeo é como o monstro de "Frankenstein": ganhou vida graças à colagem de partes de alguns dos filmes mais aterrorizantes de sempre. Com uma ratazana mutante e os organizadores do festival de cinema de terror MotelX pelo meio. O Expresso foi à procura das razões que explicam o fascínio pelo terror, com muito sangue (feito de corante alimentar) à mistura. 

A paixão do vinil

Se para muitos o vinil é apenas uma moda que faz parte da cultura do revivalismo vintage, para outros ver o disco girar nunca deixou de ser algo habitual.

Portugal foi herdado, comprado ou conquistado?

Era agosto em Lisboa e, às portas de Alcântara, milhares de homens lutavam por dois reis, participando numa batalha decisiva para os espanhóis e ainda hoje maldita. Aconteceu em agosto de 1580. Mais de 400 anos depois, o Expresso deu-lhe vida, fazendo uma reconstituição do confronto através do recorte e animação digital de uma gravura anónima da época.

O Maradona dos bancos centrais

Dizer que Mario Draghi está a ser uma espécie de Maradona dos bancos centrais pode parecer estranho. Mas não é exagerado. Os jornalistas João Silvestre e Jorge Nascimento Rodrigues explicaram porquê num conjunto de artigos publicado no Expresso em Novembro de 2013 e que venceu em junho deste ano o prémio de jornalismo económico do Santander e da Universidade Nova. O trabalho observa ainda o desempenho de Ben Bernanke no combate à crise, revisita a situação em Portugal e arrisca um ranking dos 25 principais governadores de bancos centrais. Republicamos os artigos num formato especial desenvolvido para a web.

Com Deus na alma e o diabo no corpo

Quem os vê de fora pode pensar que estão possuídos. Eles preferem sublinhar o lado espiritual e terapêutico desta dança - chamam-lhe "krump" e nasceu nos bairros pobres dos Estados Unidos. De Los Angeles para Chelas, em Lisboa, já ajudou a tirar jovens do crime. Ligue o som bem alto e entre com o Expresso no bairro. E faça o teste: veja se consegue ficar quieto.


Comentários 11 Comentar
ordenar por:
mais votados
É como o "segredo de justiça"
Não se pode saber...então é público.

Amanhã veremos.
Pela boca morre o peixe
"Processo em que me envolveram?"-Queiróz deve estar a brincar: então o Selecionador cria um problema grave,está a ser julgado e assobia para a lateral?
Ora..ora...tanto escarçéu para quê ?..
O Lopes da Mota também apanhou 1 mês de suspensão por ter pressionado os procuradores encarregues do caso Freeport e nem piou..aguentou-se que nem um homenzinho...

Isto anda tudo muito estranho..esquisito mesmo..

Um tenta interferir nos percursos de uma investigação judicial e leva com um mês de suspensão..
Não é considerado grave o suficiente para ser demitido definitivamente ?..afinal trata-se de alguém com poderes sobre o assunto..

Outro anda por aí a largar fogos durante a execução de uma pena de prisão que lhe faculta optar qunado lhe é mais conveniente estar preso ou em liberdade..deverá ser algo do tipo :
-"Hãnn..nãn..hoje tá de chuva e tal..não é um bom dia para atear fogos...
ó sr. guarda..hoje fico dentro.."..
-"Yupii..um Sol radioso..quase 35º e vento de nordeste..hoje é que me calha mesmo bem para atear uns foguitos á maneira...
ó sr. guarda abra-me lá a cela que eu vou até lá fora e um dia destes..quando me apetecer..logo apareço.."..

Este..o Carlos Queirós..respinga da possibilidade de apanhar com 1 mês de suspensão..

Em comum..todos fizeram merda e em vez de serem irradiados ficam impedidos de fazer merda por 30 dias..

Ops..todos não..há um que de quando em quando volta á cadeia para encher o isqueiro..

Não há duvida..se este País não existisse ninguém seria imaginativo ao ponto de o conseguir inventar...
ESTE SR COMEÇA A CHEIRAR MAL.....
QUE SEJA TEIMOSO,AINDA VAI,MAS PREPOTENTE E ARROGANTE,ESSAS MEDALHAS NINGUEM LHAS TIRA,VIRARAM BANDEIRA,COMO E QUE UMA PESSOA DESEQUILIBRADA PODE TER UM CARGO DE LIDERANÇA,NA FRENTE D'UMA EQUIPE,QUE PRECISA ACIMA DE TUDO ,ESTAR EQUILIBRADA?
UM SPORTINGUISTA
kaestupidos
caso seja verdade quem ficaria a perder não era o keirós mas sim a seleção que seria orientada nos primeiros dois jogos de apuramento pelo Agostinho Oliveira.Mas como nem um nem outro prestam para nada...tudo como dantes Q.Gen. em Abrantes.
Este keirós deveria reconhecer que não fez nada de jeito, prescindir da indemnização e sair pela porta grande...e levar os Amancios de Carvalhos e Madails que TÊM TACHO VITALICIO NA FPF!!!

desta vez nem ao campeonato da europa vamos!!!
Não estou nada de acordo consigo
Re: Não estou nada de acordo consigo
Varrer os derigentes na federação
Um mes para procurar um novo patrão?
Tudo indica que o seleccionador da Coreia do norte teve pior sorte que o Sr. CQ.

Para a próximas explique o porque de seleccionar A e não B.

E ganhar jogos por corredores e túneis centrais também não funcionou.

Mais ganhou Scolari depois da saída de Portugal que que todo o tempo que la esteve.

Portanto Sr. CQ toda a porta que se fecha é uma janela que se abre. e uma janela até pode ser uma montra numa rua para elites.

Portanto, um novo patrão não é nada desprestigiante.

Talvez o Brasil?

Ou seleccionador da terra natal: Moçambique?
haja pachorra
este tipo nao tem vergonha, com tudo isso ainda quer continuar..so pode ser pelo dinheiro...que vergonha um tipo destes dirigir a seleção....
Haja pachorra
Estetipo , não tem vergonha , nem tem que ter . Assinou ium contrato em certas condições e pronto, é o que há a fazer é pagar. Queria ver o mausousa com um contarto destes e depois s dizer que tinha veronha e ia embora de mãos a abanar....tá bem tá
adeus Sousa vou-me embora
! abraço dum teso
Miguel
Comentários 11 Comentar

Últimas


Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub