44
Anterior
Papa Bento XVI defende direito a não emigrar
Seguinte
Júlio Pomar recebe prémio de artes Casino da Póvoa
Página Inicial   >  Atualidade / Arquivo   >   PT oferece armazenamento na cloud para todos

PT oferece armazenamento na cloud para todos

Oferta de 16 gigabytes de armazenamento de dados na Internet abrange também os portugueses que não são clientes da operadora e estará disponível a partir de 10 de dezembro.
Lusa |
Zeinal Bava fez hoje o anúncio da "oferta em cloud"
Zeinal Bava fez hoje o anúncio da "oferta em cloud" / Tiago Petinga/Lusa

A Portugal Telecom vai disponibilizar a partir de 10 de dezembro uma "oferta cloud" de 16 gigabytes para todos os portugueses, incluindo os que não são clientes da operadora, anunciou o presidente executivo da empresa, Zeinal Bava.

A oferta traduz-se no armazenamento de dados na Internet, independentemente do local e do equipamento a partir do qual é feito o acesso, funcionando, na prática, como um disco rígido virtual portátil.

"Todos os portugueses vão ter uma oferta de storage na cloud PT", avançou Zeinal Bava na abertura da conferência da empresa consagrada ao tema Technology & Innovation, a decorrer em Lisboa.

De acordo com o responsável, a oferta "está a ser testada" e vai estar "disponível a partir de 10 de dezembro", de forma gratuita. "Todos os portugueses vão poder, através do site da PT, criar a sua própria conta na nossa nuvem", afirmou Zeinal Bava, acrescentando que se trata de "um processo de aprovisionamento muito simples, para que as pessoas possam simplesmente aderir, meter lá os seus conteúdos e com garantia de qualidade, fiabilidade e segurança".

Uma "tendência irreversível"


A 'nuvem' permite a partilha e sincronismo de conteúdos, como documentos, fotos ou vídeos, em todas as plataformas - televisão, computador, equipamentos móveis e aplicação Web. "Acho que é uma tendência que é irreversível, todos nós hoje temos muitos conteúdos digitais, todos nós usamos conteúdos em formato digital. E para todas as pessoas que assim o fazem - e estou a falar de 94 % da população - acho que a cloud PT é um excelente complemento", reforçou.

Quanto ao Data Center da Covilhã, previsto para o primeiro trimestre do próximo ano, Zeinal Bava sublinhou que a ambição "é fazer [do centro] uma das exportações" de Portugal. "A capacidade computação e storage (armazenamento de dados) é algo que pode ser um embrião para fazer muito mais no nosso país", frisou.


Opinião


Multimédia

O papa-medalhas que veio do espaço

O atleta português mais medalhado de sempre, Francisco Vicente, regressou dos campeonatos europeus de veteranos, na Turquia, com novas lembranças ao pescoço. Três de ouro e duas de prata para juntar à coleção. Tem 81 medalhas, uma por cada ano de vida.

Tudo o que precisa de saber sobre o ébola, em dois minutos

Porque é que este está a ser o pior surto da história? Como é que os primeiros sintomas se confundem com os de outras doenças? É possível viajar depois de ter contraído o vírus, sem transmitir a doença? E estamos ou não perto de ter uma vacina? O Expresso procurou as respostas a estas e outras dúvidas sobre o ébola.

United Colors of Gnocchi

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Vai pagar mais ou menos IRS? Veja as simulações

Reforma do imposto protege quem tem dependentes a cargo, mas pode penalizar os restantes contribuintes. Função pública e pensionistas vão ter mais dinheiro disponível. Veja simulações para vários casos.

A última viagem do navio indesejado

Construído nos Estaleiros de Viana e pensado para fazer a ligação entre ilhas nos Açores, o Atlântida foi recusado pelo Governo Regional por alegadamente não atingir a velocidade pretendida. Contando com os custos associados à dissolução do contrato, o prejuízo ascendeu a 70 milhões de euros. Foi agora comprado a "preço de saldo", para mudar de nome e ser reconvertido num cruzeiro na Amazónia. Fizemos a última viagem do Atlântida e vamos mostrar-lhe os segredos do navio.

Strogonoff de peixe espada preto

Faz agora cinco anos que o Chefe Tiger, especialista em pratos de confeção acessível e com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, começou esta aventura gastronómica. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Caril de banana

Faz agora cinco anos que o Chefe Tiger, especialista em pratos de confeção acessível e com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, começou esta aventura gastronómica. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Tem três minutinhos? Vamos explicar-lhe o que muda no orçamento de 350 mil portugueses (e no de muitas empresas)

O novo salário mínimo entrou em vigor. São mais €20 brutos para cerca de 350 mil portugueses (números do Ministério da Segurança Social, porque os sindicatos falam em 500 mil trabalhadores). Mudou o valor, mas também os descontos que as empresas fazem para a Segurança Social. Porque se trata de uma medida que afeta a vida de muitos portugueses, queremos explicar o que se perde e o que se ganha, o que se altera e o que se mantém.

Cantaril com risotto de espargos

Faz agora cinco anos que o Chefe Tiger, especialista em pratos de confeção acessível e com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, começou esta aventura gastronómica. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Music fighter: temos Marco Paulo e Bruno Nogueira numa batalha épica

Está preparado para um dos encontros mais improváveis na história da música portuguesa? O humorista Bruno Nogueira e a cantora Manuela Azevedo, dos Clã, pegaram em várias músicas consideradas "pimba" - daquelas que ninguém admite ouvir mas que, no fundo, todos vão dançar assim que começam a tocar - e deram-lhe novos arranjos, num projeto que chegou aos coliseus de Lisboa e do Porto.  "Ninguém, ninguém", de Marco Paulo, tem possivelmente a introdução mais acelerada e frenética do panorama musical português. Mas, no frente-a-frente, quem é o mais rápido? Vai um tira-teimas à antiga?

Dez verdades assustadoras sobre filmes de terror

Este vídeo é como o monstro de "Frankenstein": ganhou vida graças à colagem de partes de alguns dos filmes mais aterrorizantes de sempre. Com uma ratazana mutante e os organizadores do festival de cinema de terror MotelX pelo meio. O Expresso foi à procura das razões que explicam o fascínio pelo terror, com muito sangue (feito de corante alimentar) à mistura. 

A paixão do vinil

Se para muitos o vinil é apenas uma moda que faz parte da cultura do revivalismo vintage, para outros ver o disco girar nunca deixou de ser algo habitual.

Portugal foi herdado, comprado ou conquistado?

Era agosto em Lisboa e, às portas de Alcântara, milhares de homens lutavam por dois reis, participando numa batalha decisiva para os espanhóis e ainda hoje maldita. Aconteceu em agosto de 1580. Mais de 400 anos depois, o Expresso deu-lhe vida, fazendo uma reconstituição do confronto através do recorte e animação digital de uma gravura anónima da época.

O Maradona dos bancos centrais

Dizer que Mario Draghi está a ser uma espécie de Maradona dos bancos centrais pode parecer estranho. Mas não é exagerado. Os jornalistas João Silvestre e Jorge Nascimento Rodrigues explicaram porquê num conjunto de artigos publicado no Expresso em Novembro de 2013 e que venceu em junho deste ano o prémio de jornalismo económico do Santander e da Universidade Nova. O trabalho observa ainda o desempenho de Ben Bernanke no combate à crise, revisita a situação em Portugal e arrisca um ranking dos 25 principais governadores de bancos centrais. Republicamos os artigos num formato especial desenvolvido para a web.

Com Deus na alma e o diabo no corpo

Quem os vê de fora pode pensar que estão possuídos. Eles preferem sublinhar o lado espiritual e terapêutico desta dança - chamam-lhe "krump" e nasceu nos bairros pobres dos Estados Unidos. De Los Angeles para Chelas, em Lisboa, já ajudou a tirar jovens do crime. Ligue o som bem alto e entre com o Expresso no bairro. E faça o teste: veja se consegue ficar quieto.


Comentários 44 Comentar
ordenar por:
mais votados
Gastam pacotes de dados...
Agora vejam que para carregarem 16gb com o pacote de dados mais barato, que está acessível via rede móvel... teriam de pagar 3350 euros de mensalidade e demorariam cerca de 23 horas (nas melhores condições) a realizar esse upload.
Agora, junte-se o download de dados... mais 3350.
Não obrigado. Continuo a achar que é muito mais barato um disco externo de 1 tera por 80 euros e levá-lo dentro de uma bolsa para onde precisar dele.
Re: Gastam pacotes de dados...
Re: Gastam pacotes de dados...
Re: Gastam pacotes de dados...
Re: Gastam pacotes de dados...
Re: Gastam pacotes de dados...
Re: Gastam pacotes de dados...
Re: Gastam pacotes de dados...
Re: Gastam pacotes de dados...
Re: Gastam pacotes de dados...
Re: Gastam pacotes de dados...
Só fica bem à PT!
Lembrar-se dos Portugueses em tempo de vacas magrasa.
Também foram eles que a ajudaram a crescer!
Quando a esmola é grande...
o pobre desconfia. E um gestor não dá ponto sem nó!
Estou agora a ver...
...uma reportagem sobre tecnologia e inovação em Portugal e faz-me rir! Mostram aplicações para telemóveis que permitem o pagamento sem utilização do cartão! Acham isto tudo muito inovador, sendo Portugal o máximo (faz-me lembrar onde vivo!!)... Mas, eis que senão, a França está a testar um sistema de pagamento com a impressão digital... Enfim, temos mesmo a mania das grandezas!!
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Re: Estou agora a ver...
Estão a seguir a moda.
Estes caramelos que já se encheram bem de dinheiro durante muito tempo com o seu monopólio, estão apenas a seguir uma tendência que já tem alguns 5 anos, vêm tarde e querem-se mostrar na vanguarda... melhorem os seus serviços e depois metam-se nessas coisas.

Para além de criarem uma bela base de dados de clientes que não são PT.
Engenharia Portuguesa
Sou desde já duplamente suspeito neste comentário, mas mesmo assim aqui vai:
Iniciei a minha carreira profissional, sendo Eng. Electrotecnico no maior centro de investigação do Pais, outrora Centro de Estudos de Telecomunicacoes, actual PT-INOVACAO - 1 decada. Decada seguinte responsavel de Telecomunicacoes do maior empreendimento de Portugal alem fronteiras nos ultimos 200 anos: barragem de Cahorabassa.
Ambos os empreendimentos, ilustres desconhecidos e desprezados pela Nação.
A nossa Engenharia no todo, está seguramente no top 5 mundial e é praticada por uns quantos ilustres desconhecidos ...
Será que sou eu que estou cego, ou afinal a Engenharia também faz parte da nossa sociedade ? Trabalho desde 1981 e ainda não conheci mais nenhum HOMEM Engenheiro, Onde é que eles estão ? Não vejo ninguém a manifestar-se ...
Re: Engenharia Portuguesa
Re: Engenharia Portuguesa
Re: Engenharia Portuguesa
Re: Engenharia Portuguesa
Re: Engenharia Portuguesa
Re: Engenharia Portuguesa
Nuvem da PT ?
Para depois fornecer ficheiros ao SIS ?
fixe mais 16 Gb !!!!
só eu já tenho quase dois teras online... só em backups tenho 700 Gb...
A titulo de exemplo a minha pasta de musica (80% legal !!!) tem 450 Gb....(que trago sempre comigo num disco externo USB)
Só obras classicas gratuitas (sim é discutivel a qualidade de gravação de algumas, ripadas de vinil, que são de 1940) tenho 175 Gb.
Existem tantas maneiras de guardar/arquivar conteudos... só nas contas do gmail tenho emails enviados para mim proprio que totalizam toda a musica que tenho no HD. Numa mensagem conseguem-se enviar albuns inteiros !!!!
Pacotes de fotografias (desde que tenho máquina digital [1998 uma sony mavica... a 1ª maquina a disquetes LOLADA onde isto já vai !!!!! ] disparo para tudo o que mexa... ou não) é só comprimir num ficheiro zip (eu até uso rar mas pronto assim percebe-se melhor...) e enviar uma mensagem para mim proprio e já está... backup das fotos feito...
Uso o gemail como "tecnologia cloud" desde que o gmail começou...
Fora as inumeras "drop boxes" (novamente apenas para citar a mais conhecida), fileuploads (conhecido por estar extinto, o site não o conceito... se quiserem procurar encontram muitos fileserve.com,rapidshare.com,rapidgator.net,multiupload.nl).
A vantagem da cloud PT é que está mais perto do que as outras e assim "chove" mais depressa na minha ligação nacional.
Agora... não deixem a coisa depois de arrancar começar a empastelar..... normalmente é que acontece.... e não é só cá...
A PT...
..não oferece coisa nehuma e ningúem. Trata-se de um golpe de marketing para Português ver, porque nas declarações do Zeinal à CNBC já não é bem assim....
No entanto, e alinhando o comentário com os meus colegas comentadores, entendo que a Cloud é inevitável em áreas públicas e privadas, e vamos assistir a um boom de SaaS utilizados a partir da Cloud. O disco externo é uma solução para o individuo desde que isso não comprometa a criticidade da informação, porque o nível de segurança é muito baixo ( pode ser roubado ou perdido ). No entanto existem desde já inúmeras ofertas em Cloud e por isso sugiro que aintes de aderirem consultar o que já existe no mercado.
Comentários 44 Comentar

Últimas


Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub