26
Anterior
Vamos atirar putos da Casa Pia da ponte Vasco da Gama?
Seguinte
Banco de suplentes da seleção nacional vai ter duas cabeleireiras
Página Inicial   >  Blogues  >  100 reféns  >   Prisão para os políticos vigaristas, já!

Prisão para os políticos vigaristas, já!

|

A política portuguesa está há demasiado tempo entregue à podridão humana engravatada. Descaramento. Falta de vergonha. Fomos governados nos últimos anos de forma incompetente com os resultados à vista. Tudo com a estranha complacência de quem deveria pôr um travão, com o fechar de olhos de quem supervisiona, com a ajuda de quem sabe contornar as leis (são eles que as "fabricam") e com o aval dos centenários poderosos de sempre. Banca e não só. Está na altura de limpar este país do lixo que se apoderou de quase tudo o que mexe com a vida, com o dia a dia, o futuro e a carteira dos cidadãos. Recomeçar de novo. O polvo é grande mas também se apanha. Doa a quem doer. Demagogia? Deixem-me ser demagogo só mais alguns parágrafos.

1 - Parcerias "ruinosas para os cofres do ESTADO" - diz o relatório do Tribunal de Contas sobre as engenharias público-privadas que o Sr. José Sócrates, o Sr. Paulo Campos, o Sr. Lino e o Sr. Mendonça engendraram. "Agravamento da despesa", "mais riscos", "oportunidade de negócios", "omissões", "benefícios sombra" e "falta de transparência". Epítetos usados  pelo TC para descrever o rombo que foi feito e que vamos pagar nos próximos 40 anos! (2 mil milhões de euros/ano já em 2013). "Contratos que não foram apresentados ao tribunal e que custaram mais 700 milhões aos cofres públicos". "Compensações milionárias pagas a empresas privadas". Tudo isto com os nossos impostos.

2 - Quem não quis aprovar a criminalização do enriquecimento ilícito na Assembleia da República? Quem votou contra? Por que razão? Qual foi o receio?

3 - Quem são os responsáveis (investigue-se, acuse-se e prenda-se se provados os crimes) pelo conluio mais do que evidente e perigoso entre política, banca, empresas de construção, grandes escritórios de advogados e consultoras? Quem ganhou/ganha com estas negociatas? Nomes? Tudo preso, seja quem for. Abane-se este regime podre.

4 - De que nos serve o Presidente da República? Aníbal Cavaco Silva vive em permanência, e não só quando se encontra em Singapura, "a 15 mil quilómetros dos portugueses". Pior, vive de olhos vendados em relação a tudo que se passa neste país. A começar nas maluqueiras do amigo e vizinho Oliveira e Costa no BPN e a acabar nas pelintrices do defunto governo socialista. Existir um Cavaco Silva ou não nem chega a ser uma questão, é uma inutilidade democrática. O senhor é co-responsável nesta situação, assinou as parcerias e fechou os olhos a esta gigantesca loucura.

Está na altura de investigar os meandros do lamaçal, puxar as linhas todas, deitar abaixo o que tem de cair e ajudar a erguer o que sobrar. Façam-no agora, porque um dia, em desespero, alguém o fará por vós. E da pior maneira.

 

Acompanhe o 100 Reféns no Facebook

Na página oficial do 100 Reféns no Facebook juntam-se pessoas que gostam e que não gostam, que odeiam e que adoram, que veneram e que detestam, mas que não são indiferentes a este blogue do Expresso. Dê um passo e junte-se a nós.

Clique no link para aceder à página do 100 Reféns no Facebook .



Opinião


Multimédia

Os assassínios, as execuções, as decapitações são as imagens mais chocantes de uma propaganda cada vez mais sofisticada. É a Jihad, que recruta guerrilheiros no ocidente para matar e morrer na Síria. O Expresso seguiu as pisadas de cinco jiadistas portugueses, mostrando quem são e como foram convertidos e radicalizados. E como lutam, como foram morrer - e como já haverá arrependidos com medo de fugir. Reportagem em Londres, no café onde viam jogos de futebol, na universidade onde estudavam e na mesquita onde rezavam. Autoridades e especialistas em terrorismo estão alerta sobre este pequeno mas perigoso grupo, onde corre sangue português - e de onde escorre sangue por Alá.

Desacelerámos a realidade para observar a euforia da liberdade

Ela, Jacarandá, é algarvia. Ele, Katmandu, é espanhol. São linces e agora experimentam a responsabilidade da liberdade: foram soltos esta terça-feira numa herdade alentejana, próxima de Mértola, eles que saíram de centros de reprodução em cativeiro. Foi inédito: nunca tinha acontecido algo assim em Portugal. Estivemos lá e ensaiámos o slow motion.

Geração Z

Mais rápidos, mais capazes, mais solitários, os Z vivem agarrados aos ecrãs, pensam com a ajuda da internet e estão permanentemente preocupados com a bateria do telemóvel. Que geração é esta que nasceu com a viragem do século?

Desaparecidos para sempre no Mar do Norte

O dia 15 de novembro já foi feriado, há 90 anos. A razão foi o desaparecimento de Sacadura Cabral algures no Mar do Norte. Depois de fazer mais de oito mil quilómetros de Lisboa ao Rio de Janeiro, o aviador pioneiro não conseguiu completar o voo entre a cidade holandesa de Amesterdão e a capital portuguesa. Ainda hoje, não se sabe o que aconteceu ao companheiro de Gago Coutinho e tio-avô de Paulo Portas, a quem o Expresso pediu um sms.

Os muros do mundo

Novembro relembrou-nos os muros que caem, mas também os que permanecem e os que se expandem. Berlim aproximou-se de si própria há 25 anos, mas há muros que continuam a desaproximar. Esta é a história de sete deles - diferentes, imprevisíveis, estranhos.

Tudo o que precisa de saber sobre o ébola. Em dois minutos

Porque é que este está a ser o pior surto da história? Como é que os primeiros sintomas se confundem com os de outras doenças? É possível viajar depois de ter contraído o vírus, sem transmitir a doença? E estamos ou não perto de ter uma vacina? O Expresso procurou as respostas a estas e outras dúvidas sobre o ébola.

A última viagem do navio indesejado

Construído nos Estaleiros de Viana e pensado para fazer a ligação entre ilhas nos Açores, o Atlântida foi recusado pelo Governo Regional por alegadamente não atingir a velocidade pretendida. Contando com os custos associados à dissolução do contrato, o prejuízo ascendeu a 70 milhões de euros. Foi agora comprado a "preço de saldo", para mudar de nome e ser reconvertido num cruzeiro na Amazónia. Fizemos a última viagem do Atlântida e vamos mostrar-lhe os segredos do navio.

O papa-medalhas que veio do espaço

O atleta português mais medalhado de sempre, Francisco Vicente, regressou dos campeonatos europeus de veteranos, na Turquia, com novas lembranças ao pescoço. Três de ouro e duas de prata para juntar à coleção. Tem 81 medalhas, uma por cada ano de vida.

Terror religioso está a aumentar

Relatório sobre a Liberdade Religiosa é divulgado esta terça-feira em todo o mundo. Dos 196 países analisados, só em 80 não há indícios de perseguições motivadas pela fé.

Vai pagar mais ou menos IRS? Veja as simulações

Reforma do imposto protege quem tem dependentes a cargo, mas pode penalizar os restantes contribuintes. Função pública e pensionistas vão ter mais dinheiro disponível. Veja simulações para vários casos.

Tem três minutinhos? Vamos explicar-lhe o que muda no orçamento de 350 mil portugueses (e no de muitas empresas)

O novo salário mínimo entrou em vigor. São mais €20 brutos para cerca de 350 mil portugueses (números do Ministério da Segurança Social, porque os sindicatos falam em 500 mil trabalhadores). Mudou o valor, mas também os descontos que as empresas fazem para a Segurança Social. Porque se trata de uma medida que afeta a vida de muitos portugueses, queremos explicar o que se perde e o que se ganha, o que se altera e o que se mantém.

Music fighter: temos Marco Paulo e Bruno Nogueira numa batalha épica

Está preparado para um dos encontros mais improváveis na história da música portuguesa? O humorista Bruno Nogueira e a cantora Manuela Azevedo, dos Clã, pegaram em várias músicas consideradas "pimba" - daquelas que ninguém admite ouvir mas que, no fundo, todos vão dançar assim que começam a tocar - e deram-lhe novos arranjos, num projeto que chegou aos coliseus de Lisboa e do Porto.  "Ninguém, ninguém", de Marco Paulo, tem possivelmente a introdução mais acelerada e frenética do panorama musical português. Mas, no frente-a-frente, quem é o mais rápido? Vai um tira-teimas à antiga?

Dez verdades assustadoras sobre filmes de terror

Este vídeo é como o monstro de "Frankenstein": ganhou vida graças à colagem de partes de alguns dos filmes mais aterrorizantes de sempre. Com uma ratazana mutante e os organizadores do festival de cinema de terror MotelX pelo meio. O Expresso foi à procura das razões que explicam o fascínio pelo terror, com muito sangue (feito de corante alimentar) à mistura. 

A paixão do vinil

Se para muitos o vinil é apenas uma moda que faz parte da cultura do revivalismo vintage, para outros ver o disco girar nunca deixou de ser algo habitual.

Portugal foi herdado, comprado ou conquistado?

Era agosto em Lisboa e, às portas de Alcântara, milhares de homens lutavam por dois reis, participando numa batalha decisiva para os espanhóis e ainda hoje maldita. Aconteceu em agosto de 1580. Mais de 400 anos depois, o Expresso deu-lhe vida, fazendo uma reconstituição do confronto através do recorte e animação digital de uma gravura anónima da época.

O Maradona dos bancos centrais

Dizer que Mario Draghi está a ser uma espécie de Maradona dos bancos centrais pode parecer estranho. Mas não é exagerado. Os jornalistas João Silvestre e Jorge Nascimento Rodrigues explicaram porquê num conjunto de artigos publicado no Expresso em Novembro de 2013 e que venceu em junho deste ano o prémio de jornalismo económico do Santander e da Universidade Nova. O trabalho observa ainda o desempenho de Ben Bernanke no combate à crise, revisita a situação em Portugal e arrisca um ranking dos 25 principais governadores de bancos centrais. Republicamos os artigos num formato especial desenvolvido para a web.


Comentários 26 Comentar
ordenar por:
mais votados
Jornalistas e política
Acusados, muitas vezes, de compadrio com o poder, a classe de jornalistas, ontem, viu um dos seus membros chamar os bois pelos nomes, com simplicidade clareza e determinação.

Refiro ao comentador de economia da SIC que, no noticiário das 8 de ontem, descascou de alto a baixo e desmascarou a tramoia para rebentar com os cofres do estado até ao ano 40 ou 50.
Chegaram ao requinte de aliviar a carga até 2012, data em calculavam abandonar o governo, deixando a obrigação dos pagamentos crescer a partir de 2013.
Quem vier atrás de mim, que feche a porta, pensaram.Espero que o PGR tenha visto o programa, que cite o jornalista, para lhe prestar informação mais detalhada, e considere que há caso para ordenar um inquérito.

Pelo andar da carruagem, tudo vai ficar em águas de bacalhau, mas a pressão está a subir e alguma vez e alguém tem que deitar mãos à obra e limpar os estábulos............
Re: Jornalistas e política
Re: Jornalistas e política
Re: Jornalistas e política
Investigue-se, acuse-se e prenda-se!

"investigue-se, acuse-se e prenda-se se provados os crimes"

Por muito que o TM (estou estupefacto) tenha trazido hoje uma crónica cheia de oportunidade, o problema deste país é que (e ele esqueceu-se disso), toda a classe política é corrupta.
Deste modo, e considerando que o PGR e o presidente do STJ, são os melhores amigos dos criminosos, como pode alguma vez fazer-se justiça??
Re: Investigue-se, acuse-se e prenda-se!
Re: Investigue-se, acuse-se e prenda-se!
Prisão para os políticos vigaristas já
Pessoalmente estou de acordo e não duvido que a maioria também está a não ser que pertença ao bando que tem roubado este País. Já aqui o disse mais que uma vez que devia ser feita uma auditoria Internacional às PPP desde o seu início, pois estas práticas começaram com Cavaco na famosa Ponte Vasco da Gama e daí em frente foi sempre a aviar e todos os que se lhe seguiram aprenderam bem a lição que o professor ensinou. No entanto independente da burla a existir, não podemos esquecer-nos que a sua dimensão é de 0,22% do PIB ou seja insignificante, mas que apesar de tudo ainda se esconde a trás de obra feita, não acontecendo o mesmo com o caso do BPN, que se trata da maior fraude existente nos últimos 100 anos. Aqui sim houve na verdade matéria mais que suficiente para punições exemplares e que até ao presente pouco ou nada se viu e a ver vamos se algum dia chegamos a ver. O que se vê é que se faz cortinas de fumo, deita-se areia para os olhos e tapa-se o Sol com a peneira para esconder os verdadeiros problemas e as verdadeiras fraudes.

viriatoapedrada.blogspot.pt/2012/03/bpn-maior-burla-de-sempre-em-portugal.html

viriatoapedrada.blogspot.pt/2012/05/ppp-ponte-vasco-da-gama-lusoponte.html?utm_sour ce=BP_recent

viriatoapedrada.blogspot.pt/2012/05/diga-socrates-e-tudo-se-resolvera.html

viriatoapedrada.blogspot.pt/2012/05/bpn-falencia-provocava-queda-de-4-na.html?utm_s ource=BP_recent
A 1ªPPP (PT VASCOGAMA) ERA UMA CONCESSÃO EM QUE...
Re: A 1ªPPP (PT VASCOGAMA) ERA UMA CONCESSÃO EM QU
A 1ªPPP (PT VASCOGAMA) ERA UMA CONCESSÃO EM QUE...
Endoidou
O autor do artigo endoidou de vez, porque não é possível mandar para a pildra todos os engravatados políticos deste país, não há vagas estão todas preenchidas por condutores com TAS superior a 1,2, ou seja, pelos criminosos da pinguita. Quanto ao papel do Sr. Aníbal não pode ser outro, então o homem, e a restante família, comprou ou ofereceram-lhe a preço de saldo ações da SLN, vendeu-as pela melhor oferta feita pelo "ofertante", trocou uma "barraca" por ums casa no vale de coelha ou da ovelha, ali ao é dos amigos do papel, estando por isso agarrado de pés e mãos.
TM
Receio que seja uma utopia sua pois nada disso vai acontecer porque está tudo podre, e como a podridão serve para alguns enriquecer à conta do povo não vão mudar nada.
De salientar que as nossas forças armadas e policiais estão no mesmo saco pois nada fazem para devolver a liberdade ao país.
!
Totalmente de acordo. Mas isto é uma utopia. As leis foram feitas por eles e para eles nunca irem dentro. PRG foi comprado pela pandilha a pontos de ser o ACP a ter interposto uma acção contra a pandilha, porque a Procuradoria de nada serve. Os que estão nos escritórios de advogados estão também na A. R. Uns na maçonaria e outros na opus day. Depois também não havia vagas nas prisões para tanto vigarista e ladrão.
Começou mal desde o inicio!
A democracia é governo do povo, pelo povo, para o povo.
Isto nunca aconteceu em Portugal depois do 25 de Abril!
Não podes ter uma revolução para ter a democracia. Deves ter a democracia para fazer uma revolução.
Até em democracias, como nos Estados Unidos uma minoría privilegiada detem o poder contra a maioria escravizada; a razão é simples, nunca teve lugar uma revolução.
SÓ QUERIA ACRESCENTAR O SEGUINTE!
Mas com efeitos retroactivos desde o 25 de Abril!
la la la la
mais um ingénuo...

barbarraridades.blogspot.pt/
ui...
Permita-me corrigi-lo.

PRENDAM-SE OS VIGARISTAS, JÁ!!!!

Depois, como quer você que o Cavacão faça algo contra isto. Então ele também foi ao pote. Está tão enterrado como os outros.

O meu caro, parece que não mudou só a foto. Mudou também o estilo de prosa e está bem melhor. Talvez influências de amor novo.

Agoar só lhe falat é mudar de clube. Deixar os corruptos do norte e ingressar num clube sério.
O actual governo todo dentro?
penso que se se aplica-se esta regra, o actual governo e até o sr Presidente da Républica estaria em apuros...lol
Re: O actual governo todo dentro?
Re: Prisão para os políticos vigaristas, já!
Todos esse processos iam prescrever.
ACORDA PORTUGAL !
O Sebastião José deixou-nos belissimos candeeiros.
Temos das melhores fábricas de corda do Mundo.

TRAIÇÃO À PÁTRIA.

TODOS PENDURADOS JÁ !
Os ilibados.
Só conheço um tipo de pessoas que poderão ser consideradas inocentes,que são quem nunca votou em quase 40 anos de regime democrático na troyca partidária(CDS,PSDePS)que tem governado o pais.Factos são factos e é possivél alterar rumo dos acontecimentos com presistência,participando no protésto ao lado de quem sempre contestou.
joaquim
parabens pelo seu artigo,pois faz falta chamar os bois pelos nomes.Como 99% dos políticos são corruptos,e será utópico prende-los,eu começaria por reivindicar primeiramente a redução de deputados para metade e de seguida o corte de mordomias e privilegios dos detentores de cargos públicos.
Comentários 26 Comentar

Últimas


Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador

PUBLICIDADE

Pub