Siga-nos

Perfil

Presidenciais 2016

Paulo Morais

Paulo de Morais diz que Presidentes da República têm sido “corta-fitas”

  • 333

Luís Barra

Na opinião do candidato pretendente ao Palácio de Belém, Portugal parece continuar a viver em ditadura

O candidato presidencial Paulo de Morais classificou esta terça-feira os Presidentes da República do pós-25 de Abril como "corta-fitas", apontando que, no fim de 41 anos de vivência democrática, Portugal parece continuar a viver em ditadura.

Em declarações aos jornalistas, no final de uma visita à exposição dedicada a Humberto Delgado, no Panteão Nacional, em Lisboa, Paulo de Morais apontou que há muitas semelhanças entre o Portugal de hoje e o dos anos 60.

"Na altura, havia um presidente do Governo, um primeiro-ministro, que transformava o Presidente da República num mero corta-fitas, que era o que fazia na altura o almirante Américo Tomás, e ao fim de 41 anos passados em democracia os presidentes têm tido sempre essa função", criticou o candidato presidencial.