Siga-nos

Perfil

Presidenciais 2016

Presidenciais 2016

Portas aproveita o discurso de elogio a Marcelo para desmascarar uma “falsa teoria”

  • 333

José Sena Goulão / Lusa

“Os portugueses preferiram o equilíbrio politico à concentração da soberania numa só área política”

Em reação aos resultados das eleições presidenciais, Paulo Portas deu os parabéns a Marcelo Rebelo de Sousa, que considerou ser “de longe o candidato mais bem preparado”. Para o líder do CDS, o novo Presidente da República “não precisou dos partidos para ser eleito”.

“Foi candidato com larga e conhecida independência face a área politica de origem”, disse Paulo Portas em conferência de imprensa.

O ainda líder do CDS considera que o resultado da noite deste domingo confirma que as presidenciais “nunca foram uma segunda volta das legislativas” e disse que pretendia desmascarar a “a falsa teoria” de que os portugueses desejavam uma “aliança da esquerda com a extrema esquerda”.

“Os portugueses preferiram o equilíbrio politico à concentração da soberania numa só área política. Os portugueses compreendem a diferença entre as eleições”, defendeu.

Portas espera ainda que Marcelo traga a prometida “estabilidade política” e que dê “importância às regras” considerando que Portugal é um país do euro acabado de sair de um resgate.