Siga-nos

Perfil

Presidenciais 2016

Presidenciais 2016

Marcelo cancela ação de rua no Barreiro

  • 333

José Carlos Carvalho

Numa manhã dedicada à margem sul, candidato presidencial desmarca o único contacto de rua com a população, devido à morte de António Almeida Santos

Filipe Santos Costa

Filipe Santos Costa

Jornalista da secção Política

Marcelo Rebelo de Sousa cancelou a única ação de rua que tinha prevista para o dia de hoje no Barreiro, junto ao mercado 1º de Maio, às 11h45.

A campanha do professor de Direito considerou que não seria apropriado o ambiente festivo que normalmente envolve estes contactos com a população no dia da morte de Almeida Santos.
Esta será a única alteração na agenda de campanha de Marcelo por este motivo.

Esta manhã o candidato está na margem sul do Tejo para visitas à “Associação Vale de Ácor”em Almada, - que trata da recuperação de dependentes -, e à Santa Casa da Misericórdia no Barreiro, onde tem almoço previsto com os funcionários.

“Não haverá até ao enterro qualquer açao de campanha”, garantiu Marcelo, sublinhando que a visitará a Santa Casa da Misericórdia por “respeito por essa instituição.”

Durante a tarde não há agenda de campanha para a preparação para o debate entre todos os candidatos hoje à noite, na RTP. A única desistência conhecida para esse debate é Maria de Belém.

Sobre Almeida Santos recordou que o conhecia desde 1969, tendo mantido uma amizade de 46 anos. “É uma vida”, afirmou.

Salientou o percurso político do socialista, tanto na luta contra a ditadura e enquanto “homem essencial na construção jurídica da democracia”.

O professor de Direito louvou-lhe a inteligência, cultura e a sua natureza consensual. “Deixa um legado muito importante para o país”.

Amanhã Marcelo Rebelo de Sousa vai juntar-se às cerimónias fúnebres, mas como não tinha eventos previstos a essa hora esse facto não altera a agenda de campanha, que conssite apenas numa visita a uma instituição em Lisboa (ainda não definida), uma sessão pública com mandatários de Lisboa durante a tarde, na estação de Santa Apolónia, partindo daí de comboio para a cidade do Porto.

[Notícia atualizada às 13h13]