Siga-nos

Perfil

Presidenciais 2016

Presidenciais 2016

Sampaio da Nóvoa confiante na viragem

  • 333

tiago miranda

Sampaio da Nóvoa sentiu que deu um salto nestes primeiros dias de campanha a sério. Sai-lhe do pelo. Corre o país de lés a lés, às vezes só para dar um abraço e um aperto de mão a uma boa dezena de apoiantes. Mas ele diz que compensa e que está a crescer

Luísa Meireles

Luísa Meireles

Texto

Redatora Principal

Tiago Miranda

Tiago Miranda

Fotos

Fotojornalista

O homem veio direito a ele, mesmo em frente da Casa Inglesa, uma pastelaria renomada de Portimão, e disse-lhe, alto o suficiente para todos ouvirem: "já telefonei a 32 amigos". Para votarem em Sampaio da Nóvoa, entenda-se. Este responde-lhe rápido: "agora só faltam mais 300".

Tem sido assim a campanha do ex-reitor da Universidade de Lisboa nesta primeira semana. Uma campanha um pouco à moda antiga, que percorre quilómetros para abraçar, beijar, festejar, falar e, às vezes, tão só acenar às pessoas, que vão surgindo às dezenas, em número suficiente para receber calorosamente o candidato.

A ideia é estar presente, mostrar-se, dar-se a conhecer pessoalmente, em suma, porque, como ele próprio diz, o ganho é "um a um, voto a voto, grão a grão". Sampaio da Nóvoa apresenta-se sozinho, o seu staff não é numeroso e é ele que, indefeso, dá as costas aos abraços. Aqui não há seguranças. E como poderia haver?

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI