18 de abril de 2014 às 0:59
Página Inicial  ⁄  Dossiês  ⁄  Dossies Desporto  ⁄  Jogos Olímpicos 2012  ⁄  Portugal chega a nova final na canoagem

Portugal chega a nova final na canoagem

Dupla Joana Vasconcelos-Beatriz Gomes assegura presença na corrida decisiva de K2 500m e, ao mesmo tempo, mais um lugar entre os oito primeiros para Portugal. Teresa Portela ficou perto da final de K1 500m.
Bruno Roseiro (www.expresso.pt)
Joana Vasconcelos e Beatriz Gomes garantiram um lugar na final olímpica do K2 500 m João Relvas/Lusa Joana Vasconcelos e Beatriz Gomes garantiram um lugar na final olímpica do K2 500 m

Confirma-se: a canoagem está mesmo a evitar que a participação portuguesa vá por água abaixo. Depois da qualificação do K2 1000m (Fernando Pimenta e Emanuel Silva) e do K4 500m (Helena Rodrigues, Teresa Portela, Joana Vasconcelos e Beatriz Gomes) para as finais, que se realizam amanhã, a dupla Joana Vasconcelos-Beatriz Gomez garantiu mais uma presença na corrida decisiva e, no mínimo, um diploma no K2 500m.

As canoítas nacionais terminaram a sua série na 3ª posição (apuravam-se quatro em oito à final), atrás de China e Áustria e à frente da Sérvia. O tempo não foi dos melhores (1m43,305s) mas chegou para assegurar passagem à próxima fase... que pode valer medalhas. Alemanha, Hungria, Polónia e Nova Zelândia obtiveram a qualificação na outra série.

A final irá ser disputada na quinta-feira, em Eton Dorney, às 10h42. 

K1 afunda-se até ao primeiro... dos últimos 


Teresa Portela, por seu turno, não teve uma corrida fácil. Apesar de partir com o segundo melhor tempo na qualificação, o que lhe conferia uma vantajosa partida da pista seis, a canoísta portuguesa terminou a sua série na 3ª posição, atrás da italiana Josefa Idem e da britânica Rachel Cawthorn, mas fez pior tempo do que as outras duas séries (1m53,064), quedando-se no 9.º lugar, o primeiro... fora da final A e dos diplomas olímpicos.

Na quinta-feira, a atleta nacional vai disputar a final B do K1 500m a partir das 10h, seguindo-se a corrida decisiva sem participação portuguesa. 

Comentários 3 Comentar
ordenar por:
mais votados ▼
"Uma medalha é uma medalha" para quem aceita o que
"Uma medalha é uma medalha" para quem aceita o que illuminati vendem
- falso desporto. Exemplo tudo o que è julgado por notas e não por marcas verificáveis por todos das ginásticas à natação sincronizada;
- falsos eventos. Exemplo: quatro estilos em natação ou marcha (agregada ao atletismo mas com o qual nada tem a ver).
- falso desporto olímpico, isto é desporto que não nada tem a ver com desporto GLOBAl, ou seja praticados só em certos países e/ou por um ínfimo numero de atletas. Exemplo: canoagens, remos, velas.

Multiplicando estes fatores os illuminati:
- iludem a decadência do estado físico do gado humano que conduzem ao matadouro, fabricando medalhas em série, levado ao mais grotesco em falso evento de falso desporto sem caráter olímpico (GLOBAL).
- divertem a atenção do verdadeiro desprto olímpico, em particular do desporto natural (Corridas e Saltos), o mais importante para conservar "mente sã em corpo são". um dos principios que è preciso destruir para implementar o objetivo de transforma humanos em bestas e levar gado humano ao matadouro. Lembrete: gado = bestas que podem ser engordadas para abate.

Resposta do Ultimo dos Profetas "Bandarra" a "Inside" em:
expresso.sapo.pt/bolt-perde-namorada-ganha-estatua-e-procura-ouro=f744947

Re: Ver comentário
Gonçalo Carvalho e AR Rubi
E que tal mencionar os Magníficos 74.175 % que obteve há pouco o Gonçalo Carvalho com o PURO SANGUE LUSITANO de Ferro ALTER REAL Rubi ?????
Já é Altura de começarem a ver esta dupla !!!!
PUBLICIDADE
Expresso nas Redes
Pub