Anterior
Conferência Exame/Banco Popular no Porto
Seguinte
Empresas que crescem a ritmo rápido estão a diminuir em Portugal
Página Inicial   >  Economia  >  Exame  >  Portas à Exame: "Não quero a troika cá para lá de junho de 2014"

Portas à Exame: "Não quero a troika cá para lá de junho de 2014"

O líder do CDS, que a 2 de julho apresentou a demissão do Governo, deu a meio de junho uma entrevista à Exame deste mês em que apontava os mercados relevantes para a expansão das empresas portuguesas e deixava recados ao Governo.

Portas à Exame: 'Não quero a troika cá para lá de junho de 2014'

As empresas portuguesas devem desenvolver os seus esforços de internacionalização nos países onde as nossas exportações mais têm crescido, defendeu Paulo Portas em entrevista à Exame deste mês.

Na entrevista concedida a meio de junho, o líder do CDS e então ministro dos Negócios Estrangeiros, dizia que "com grande agilidade e sentido de risco, as empresas partiram para mercados novos. A economia global está a crescer em África, na América Latina, na Ásia e no Golfo Pérsico, e são estes os novos quatro mercados. Tenho apostado imenso nos mercados não tradicionais, sem desvalorizar os tradicionais". Portas disse então que "não estamos a fazer ideologia, estamos a fazer economia, que é o que o país precisa".

Portas realça que a imagem que o país tem no exterior é bem melhor do que a que se tem em Portugal. "Faria bem ao ânimo e à alma dos portugueses saber como Portugal é hoje visto no mundo. Por sua vez, as instituições externas fariam bem em tentar perceber melhor o esforço que os portugueses estão a fazer e exigir metas realistas e não metas irrealistas."

Por outro lado, Paulo Portas referia, a propósito do programa de ajustamento em curso em Portugal, que "tem havido erros, que são reconhecidos e os erros custam às sociedades que estão a fazer o ajustamento. Eu não quero a troika cá para lá de junho de 2014. Começarmos agora com um segundo resgate tornaria muito difícil viver em Portugal para lá de 2020".

Na entrevista, Portas dizia ainda que "o Governo, do ponto de vista da estabilidade, não existe sem o partido a que eu presido. Acho que as regras são claras".

Opinião


Multimédia

Temos 16 imagens que não explicam o mundo, mas que ajudam a compreendê-lo

O júri do World Press Photo queria dar o prémio maior da edição deste ano (e talvez das edição todas) a uma fotografia com "potencial para se tornar icónica". A primeira imagem desta fotogaleria, por ser "esteticamente poderosa" e "revelar humanidade", é o que o júri procurava. A fotografia de um casal homossexual russo, a grande vencedora, é a primeira de 16 imagens de uma seleção onde há Messi desolado, migrantes em condições indignas no Mediterrâneo, a aflição do ébola, mistérios afins e etc - são os contrastes do mundo.

Os assassínios, as execuções, as decapitações são as imagens mais chocantes de uma propaganda cada vez mais sofisticada. É a Jihad, que recruta guerrilheiros no ocidente para matar e morrer na Síria. O Expresso seguiu as pisadas de cinco jiadistas portugueses, mostrando quem são e como foram convertidos e radicalizados. E como lutam, como foram morrer - e como já haverá arrependidos com medo de fugir. Reportagem em Londres, no café onde viam jogos de futebol, na universidade onde estudavam e na mesquita onde rezavam. Autoridades e especialistas em terrorismo estão alerta sobre este pequeno mas perigoso grupo, onde corre sangue português - e de onde escorre sangue por Alá.

Vai um hamburguer de bacalhau com broa de milho?

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione com esta nova receita.

Vamos falar de sexo. Seis portugueses revelam tudo o que lhes dá prazer na cama

Neste primeiro episódio de uma série que vai durar sete semanas, seis entrevistados falam abertamente sobre aquilo que lhes dá mais satisfação na intimidade. Sexo em grupo, sexo na gravidez, prazer sem orgasmo e melhor sexo após a menopausa são alguns dos temas referidos nos testemunhos desta semana. O psiquiatra Francisco Allen Gomes explica ainda a razão de muitas mulheres fingirem o orgasmo. O Expresso e a SIC falaram com 33 portugueses que deram a cara e o testemunho de como são na cama. Ao longo das próximas sete semanas, contamos-lhe tudo.

Elvis. Gostamos ou não gostamos?

Ele não é consensual, mas é incontornável. Dispunha de penteado majestoso e patilha marota, aparentava olhar matador e pose atrevida. E deixou canções: umas fáceis e outras nem tanto, por vezes previsíveis e às vezes inesperadas, ora gentis ora aceleradas. E ele, Elvis, nasceu em janeiro de 1934 - há precisamente 40 anos, ao oitavo dia. Temos quatro textos sobre o artista: Nicolau Santos, Rui Gustavo, Nicolau Pais e João Cândido da Silva explicam o que apreciam, o que toleram e o que não suportam.

A última viagem do navio indesejado

Construído nos Estaleiros de Viana e pensado para fazer a ligação entre ilhas nos Açores, o Atlântida foi recusado pelo Governo Regional por alegadamente não atingir a velocidade pretendida. Contando com os custos associados à dissolução do contrato, o prejuízo ascendeu a 70 milhões de euros. Foi agora comprado a "preço de saldo", para mudar de nome e ser reconvertido num cruzeiro na Amazónia. Fizemos a última viagem do Atlântida e vamos mostrar-lhe os segredos do navio.

Desfile de vedetas

Saiba tudo sobre os modelos concorrentes ao Carro do Ano 2015/Troféu Essilor Volante de Cristal. Conheça o essencial sobre os 20 automóveis participantes nesta iniciativa, da estética, às características técnicas, do preço ao consumo. A apresentação ficará completa no dia 3 de janeiro.

Tudo o que precisa de saber sobre o ébola. Em dois minutos

Porque é que este está a ser o pior surto da história? Como é que os primeiros sintomas se confundem com os de outras doenças? É possível viajar depois de ter contraído o vírus, sem transmitir a doença? E estamos ou não perto de ter uma vacina? O Expresso procurou as respostas a estas e outras dúvidas sobre o ébola.

Desacelerámos a realidade para observar a euforia da liberdade

Ela, Jacarandá, é algarvia. Ele, Katmandu, é espanhol. São linces e agora experimentam a responsabilidade da liberdade: foram soltos esta terça-feira numa herdade alentejana, próxima de Mértola, eles que saíram de centros de reprodução em cativeiro. Foi inédito: nunca tinha acontecido algo assim em Portugal. Estivemos lá e ensaiámos o slow motion.

Desaparecidos para sempre no Mar do Norte

O dia 15 de novembro já foi feriado, há 90 anos. A razão foi o desaparecimento de Sacadura Cabral algures no Mar do Norte. Depois de fazer mais de oito mil quilómetros de Lisboa ao Rio de Janeiro, o aviador pioneiro não conseguiu completar o voo entre a cidade holandesa de Amesterdão e a capital portuguesa. Ainda hoje, não se sabe o que aconteceu ao companheiro de Gago Coutinho e tio-avô de Paulo Portas, a quem o Expresso pediu um sms.

Os muros do mundo

Novembro relembrou-nos os muros que caem, mas também os que permanecem e os que se expandem. Berlim aproximou-se de si própria há 25 anos, mas há muros que continuam a desaproximar. Esta é a história de sete deles - diferentes, imprevisíveis, estranhos.

O papa-medalhas que veio do espaço

O atleta português mais medalhado de sempre, Francisco Vicente, regressou dos campeonatos europeus de veteranos, na Turquia, com novas lembranças ao pescoço. Três de ouro e duas de prata para juntar à coleção. Tem 81 medalhas, uma por cada ano de vida.

Terror religioso está a aumentar

Relatório sobre a Liberdade Religiosa é divulgado esta terça-feira em todo o mundo. Dos 196 países analisados, só em 80 não há indícios de perseguições motivadas pela fé.

Vai pagar mais ou menos IRS? Veja as simulações

Reforma do imposto protege quem tem dependentes a cargo, mas pode penalizar os restantes contribuintes. Função pública e pensionistas vão ter mais dinheiro disponível. Veja simulações para vários casos.

Tem três minutinhos? Vamos explicar-lhe o que muda no orçamento de 350 mil portugueses (e no de muitas empresas)

O novo salário mínimo entrou em vigor. São mais €20 brutos para cerca de 350 mil portugueses (números do Ministério da Segurança Social, porque os sindicatos falam em 500 mil trabalhadores). Mudou o valor, mas também os descontos que as empresas fazem para a Segurança Social. Porque se trata de uma medida que afeta a vida de muitos portugueses, queremos explicar o que se perde e o que se ganha, o que se altera e o que se mantém.

Music fighter: temos Marco Paulo e Bruno Nogueira numa batalha épica

Está preparado para um dos encontros mais improváveis na história da música portuguesa? O humorista Bruno Nogueira e a cantora Manuela Azevedo, dos Clã, pegaram em várias músicas consideradas "pimba" - daquelas que ninguém admite ouvir mas que, no fundo, todos vão dançar assim que começam a tocar - e deram-lhe novos arranjos, num projeto que chegou aos coliseus de Lisboa e do Porto.  "Ninguém, ninguém", de Marco Paulo, tem possivelmente a introdução mais acelerada e frenética do panorama musical português. Mas, no frente-a-frente, quem é o mais rápido? Vai um tira-teimas à antiga?


Comentários 11 Comentar
ordenar por:
mais votados
Portas é um caso de verdadeiro mau político?
ATENÇÃO:

O que Portas diz que menos quer, é o que mais deseja...

www.youtube.com/watch?v=14yM2ioAHRc

Quando se nasce com certos defeitos, é difícil mudar...
...
"Faria bem ao ânimo e à alma dos portugueses saber como Portugal é hoje visto no mundo."

Como um Pais de bananas que votam em bananas como tu....
Paulo Portas "o fala barato"!
Todas estas "tiradas jornalísticas" em que o Portas se especializou (ou não tivesse ele sido jornalista) cheiram cada vez mais, ao olhos do povo, a conversa da treta para o enganar!
Toda a gente já fala que, após a saída da troika, existirá um largo período de controle internacional sobre Portugal, certamente coordenado pelo banco central europeu, do senhor Draghi, sob o nome pomposo de Outright Monetary Transactions (os famosos "OMT"), porque os credores não querem correr riscos e por isso não retirarão as patas de cima do nosso pescoço enquanto não receberem tudo.
É por isso que o Portas (apenas preocupado com a sua imagem e o seu futuro pessoal) se queria ir embora já que em breve seria apanhado nas suas mentiras!
É este mesmo catavento político, oportunista e doentiamente ambicioso que, hoje ao fim da tarde, vai fazer juras de lealdade com o Passos Coelho para os próximos dois anos.
Esperemos que, na cabeça de Cavaco, a instabilidade não exista só quando os socialistas estão no poder!
É que se ele achar que esta conversa da treta, entre Passos Coelho e Paulo Porta, dá garantias de estabilidade eu até tremo só de pensar sobre o que é ele acha que é instabilidade.
Será que só com realidades como as que se vivem Turquia, ou no Egipto ou no Brasil é que Cavaco "se começa a preocupar"?
Se assim for a coisa vai ficar mesmo preta!
P.Portas
este deve ser o verdadeiro vendedor da banha de cobra com uma grande cara de pau a mistura.
Ai Portas
Quanto dizes sem que o proves, não dizes.
Este mentiroso pode dizer o que quiser mas
O segundo resgate já era inevitável há tempos e vai acontecer quer ele queira ou nao, simplesmente porque o nível da divida e as obrigações correntes do Estado exigem meios que nao temos. A troika vai ficar muito para além de 2014 porque a situação de Portugal e a da Europa tão pouco vai melhorar rapidamente. A ver o que ele vai fazer para dar a volta a esta realidade incomoda.
The Secret Society
Caros,

Deixo-vos o segundo episódio da saga envolvendo Paul Entrance, Viktor Gus Par, Maria Alvin Kirk, Francis Ball Seaman e uma sociedade secreta.

O Autor
Antologia e Ideias
blog: antologiadeideias.wordpress.com/
facebook: https://www.facebook.com/antologiadeideias.wordpress
e-mail: antologia.wordpress@gmail.com
The Secret Society
Caros,

Deixo-vos o segundo episódio da saga envolvendo Paul Entrance, Viktor Gus Par, Maria Alvin Kirk, Francis Ball Seaman e uma sociedade secreta.

antologiadeideias.wordpress.com/2013/07/09/part-2-the-secret-society/

O Autor
Antologia e Ideias
blog: antologiadeideias.wordpress.com/
facebook: https://www.facebook.com/antologiadeideias.wordpress
e-mail: antologia.wordpress@gmail.com
Irrevogavelmente?
Irrevogável mente? Irrevogável mente? Irrevogável mente!
Ou só durante as próximas 48 horas?
O engano de Portas
Mas o Cavalheiro pensa estar em bicos de pés,ainda nessa data ?
:)
Paulo Portas parece desconhecer que Portugal vai ter de devolver 40 mil milhões aos mercados. A menos que Paulo Portas venha a ser um dos maiores credores de Portugal não percebo como é que ele pretende ter a troika fora de Portugal para o ano.

O que eu acho estranho é não perguntarem a Portas como é que ele pretende ter a troika fora de Portugal em 2014 quando temos 40 mil milhões de Euros a vencer em dois anos.

Não interessa o que Portas deseja. Aposto que ele até deseja a paz mundial e felicidade eterna para toda a gente. O que interessa é o que é exequível e como. E isso é o que o(a) jornalista devia perguntar a Portas e não deixá-lo dizer coisas vagas e pouco objectivas como os seus desejos e pó-las no título de uma notícia.
Comentários 11 Comentar

Últimas

Receba a nova Newsletter
Ver Exemplo

Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub