Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

PSD lembra Sevinate Pinto como um português que "deu muito de si ao país"

  • 333

Os sociais democratas sublinham que o antigo ministro da Agricultura  "pôs sempre o seu profundo conhecimento sobre agricultura ao serviço do país".

O PSD lamentou este domingo a morte do antigo ministro da Agricultura Sevinate Pinto, "um português ilustre" que "deu muito de si ao país" e que "sempre pôs o seu profundo conhecimento ao serviço" de Portugal.

 

"É com profundo pesar que o PSD tomou conhecimento da morte do engenheiro Sevinate Pinto", disse hoje em declarações à Lusa o vice-presidente do PSD José Matos Correia, acrescentando que o antigo ministro, que morreu esta noite num hospital em Lisboa, era "um português ilustre e um cidadão exemplar", que "pôs sempre o seu profundo conhecimento sobre agricultura ao serviço do país".

 

Dirigindo "sinceras condolências" à família de Sevinate Pinto, José Matos Correia lamentou esta "perda muito grande para Portugal".

 

Natural de Ferreira do Alentejo, no distrito de Beja, Armando José Cordeiro Sevinate Pinto morreu esta noite num hospital de Lisboa, aos 69 anos de idade.

 

Licenciado em Engenharia Agrónoma pelo Instituto Superior de Agronomia, Sevinate Pinto foi ministro da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas do XV Governo Constitucional PSD/CDS-PP, liderado por Durão Barroso, entre 06 de abril de 2002 a 17 de julho de 2004.