Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Madeira. PSD ganha maioria absoluta por pouco

  • 333

FOTO Homem de Gouveia/Lusa

PSD elege 24 dos 47 deputados para a Assembleia Regional da Madeira. O BE volta ao parlamento regional, com a eleição de dois deputados. Mas a grande revelação da noite é o JPP, um partido quase local, que consegue eleger cinco deputados.

Marta Caires, correspondente na Madeira

O PSD/Madeira, liderado por Miguel Albuquerque, alcançou este domingo 44,33% dos votos e 24 dos 47 deputados eleitos, menos um do que nas últimas eleições.

O PSD conquistou assim a sua 11.ª maioria absoluta consecutiva nas eleições legislativas regionais da Madeira, as primeiras sem Alberto João Jardim. 

O CDS conquistou 7 deputados eleitos, a coligação Mudança (PS/PTP/MPT/PAN) 6 deputados e o JPP 5 deputados. Já a CDU e o BE vão contar com dois deputados na assembleia regional, enquanto a PND terá a representação de um deputado.

Mais de metade dos eleitores, 50,28%, não votaram nas eleições legislativas regionais da Madeira que se realizaram hoje, estabelecendo um novo recorde de abstenção no arquipélago.



Nas últimas eleições em 9 de outubro de 2011, a abstenção já tinha batido um recorde chegando aos 42,61%.

Miguel Albuquerque promete "diálogo permanente"

O social-democrata Miguel Albuquerque, que será o novo presidente do Governo da Madeira, afirmou que a região terá agora "um novo rumo" para sair da "atual encruzilhada" e afirmou que vai "abrir o Governo [Regional] a independentes".



Prometendo "diálogo permanente", Miguel Albuquerque disse que "todos serão bem-vindos na construção" do futuro e considerou que os partidos tradicionais têm de se "revitalizar, sob pena de serem consumidos à direita e à esquerda por extremismos".



"Connosco, a Madeira terá um novo rumo e sairá da presente encruzilhada de forma positiva", declarou, no discurso de vitória, na sede de campanha, após obter maioria absoluta.



O social-democrata mostrou-se também certo da abertura e disponibilidade do primeiro-ministro e do Presidente da República para manter o diálogo.



O PSD/Madeira, liderado por Miguel Albuquerque, alcançou 44,33% dos votos e 24 dos 47 deputados eleitos, menos um do que nas últimas eleições.



Marco António Costa fala em "sentido de responsabilidade"


Entretanto, o porta-voz do PSD, Marco António Costa, afirmou que o resultado das eleições legislativas regionais da Madeira demonstrou que os madeirenses optaram pela proposta com "sentido de responsabilidade e de manutenção do rigor" contra "aventureirismos eleitorais".



Numa reação à conquista pelo partido da 11.ª maioria absoluta consecutiva nas eleições legislativas regionais da Madeira, as primeiras sem Alberto João Jardim, Marco António Costa declarou que a transição ocorrida atribui um "especial significado" à vitória.



"Os madeirenses foram claros na sua escolha de um PSD renovado, que ofereceu propostas realistas de um futuro de rigor com crescimento económico e coesão social assente numa governação exigente", declarou o porta-voz do partido.

[Atualizada às 23h31]