Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Nem autoestradas, nem campos de futebol. Cavaco Silva quer mais crianças

O ex-Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, acompanhado pelo presidente da Câmara Municipal de Sernancelhe, Carlos Silva SantiagO

NUNO ANDRE FERREIRA

Antigo chefe de Estado considera que Portugal "não precisa de mais autoestradas" nem de "mais pavilhões gimnodesportivos ou "campos de futebol". Precisa de incentivos para que os casais tenham mais filhos

O antigo Presidente da República considerou este sábado que o país "precisa de mais crianças" e referiu que os poderes públicos devem criar condições para que os casais tenham mais filhos.

"Portugal não precisa de mais autoestradas. Portugal não precisa de mais pavilhões gimnodesportivos. Portugal não precisa de mais campos de futebol. Portugal precisa de mais crianças", referiu Aníbal Cavaco Silva em Sernancelhe, no distrito de Viseu.

Segundo o antigo Chefe de Estado, "os poderes públicos têm que criar condições para que os casais tomem a decisão de ter mais filhos". "Isso é fundamental para a identidade do futuro do nosso país, não é com autoestradas. Não é com gimnodesportivos, não é com clubes de futebol, é sim dando força aos casais portugueses para que tragam para o nosso país mais, mais e mais crianças", afirmou.

Cavaco Silva, que foi primeiro-ministro entre 1985 e 1995 e Presidente da República entre 2006 e 2016, foi hoje agraciado com a Medalha de Honra do Município de Sernancelhe, presidido por Carlos Silva (PSD).

  • PS ou PSD: Que governos são mais amigos da natalidade?

    O PSD tomou a dianteira e propôs um generoso pacote de incentivos às famílias com filhos. António Costa quer os parceiros sociais a discutir políticas de conciliação entre trabalho e família. Enquanto os dois partidos disputam o protagonismo nos incentivos à natalidade, fomos saber qual dos dois — PS ou PSD — fez mais quando esteve no Governo