Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Líder da Juventude Popular distinguido pela Forbes como um dos jovens mais influentes da Europa

Alberto Frias

Francisco Rodrigues dos Santos é um dos quatro nomes portugueses incluídos na lista de estrelas em ascensão distinguidas pela Forbes. Marcelino Sambé é bailarino, Lara Vidreiro e Filipa Neto são criadoras de uma startup de sucesso

Já é conhecida a lista de jovens europeus influentes que a revista Forbes prepara anualmente e, desta vez, por lá se encontram quatro nomes portugueses. As áreas são variadas: há um bailarino, duas empresárias e, no caso que está a ter mais eco nas redes sociais e nas notícias, um jovem advogado e político.

O nome que está a dar que falar é o de Francisco Rodrigues dos Santos, conhecido por "Chicão" no círculo político, onde se inclui por liderar a juventude do CDS. Para a Forbes, o jovem advogado de 29 anos merece a distinção por ter "ajudado a que a organização chegasse aos 20 mil militantes e dobrasse o número de membros eleitos (...) nas eleições autárquicas", lê-se no pequeno perfil destinado a Rodrigues dos Santos. No mesmo texto, a JP é descrita como uma plataforma "de políticas conservadoras, democratas-cristãs", e Rodrigues dos Santos fica assim distinguido como o único português incluído na categoria de Direito e Política, como o próprio notou no Facebook, onde agradeceu aos pais, amigos, JP e até ao país pela "raríssima" e "surpreendente" distinção.

A lista da Forbes chama-se "30 jovens com menos de 30 anos" mas inclui, na verdade, 300 jovens "disruptores", "líderes nas suas indústrias", em categorias tão diversas como entretenimento, tecnologia, finanças e comércio eletrónico, vindos de 34 países europeus. Entre os nomes mais conhecidos, encontram-se Millie Bobby Brown, estrela da série da Netflix "Stranger Things"; as cantoras britânicas Rita Ora ou dua Lipa; e a atriz Maisie Williams, que é Arya em "Game of Thrones".

Quanto aos nomes portugueses, para além de Francisco Rodrigues dos Santos, há mais três jovens distinguidos pela revista britânica. Marcelino Sambé é um deles: bailarino de 23 anos, insere-se na franja dos mais novos e destaca-se pela precoce carreira de sucesso no ballet, com um currículo que já conta com obras como "O Quebra-nozes" e "Lago dos Cisnes". Sambé vive atualmente em Londres, depois de ter dado o salto do Conservatório de Lisboa para a The Royal Ballet Upper School e depois para a companhia de ballet correspondente.

As outras duas jovens portugueses são uma dupla: Filipa Neto e Lara Vidreiro são as fundadoras da marca de aluguer de vestidos de luxo Chic by Choice, uma startup criada em Lisboa, em 2014, e que segundo a revista já terá gerado "dois milhões de euros" desde então.