Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

CDS diz que reunião com Centeno “não acrescentou muito”

Centristas apontaram críticas à questão das cativações durante um encontro em que o Governo apresentou a sua proposta de Orçamento

"Não acrescentou muito". Foi este o resumo feito pela delegação do CDS sobre encontro com o ministro das Finanças, Mário Centeno, que está a apresentar nesta tarde a proposta de OE do Governo aos partidos.

À saída da reunião, a deputada Cecília Meireles, acompanhada por João Almeida e Pedro Mota Soares, falou aos jornalistas para dizer que os esclarecimentos do Governo se limitaram a traçar um "cenário" com "dados qualitativos", mas sem números, pelo que não houve grandes novidades sobre "o cenário macroeconómico e as receitas e despesas".

O ministro confirmou ao CDS que haverá no próximo ano uma "desaceleração da economia", o partido respondeu com a sua preocupação com o "crescimento sustentável" e com questões mais concretas, como as cativações.

"Estivemos aqui para ouvir e para dizer que o CDS é como sempre uma oposição com propostas", alternativas essas que serão apresentadas a partir de sexta feira, data marcada para o Governo apresentar a sua proposta.