Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Marques Mendes: “Se a oposição não conseguiu capitalizar este momento de desgaste do Governo, vai mobilizar quando?”

Social-democrata, no seu habitual espaço de comentário na SIC, disse que viu uma esquerda “afinada” e “de pedra e cal” no Estado da Nação. Pelo contrário, antevê dias difíceis para o PSD

O debate desta semana na Assembleia da República do Estado da Nação mostrou que “a coligação está de pedra e qual”, afirmou Marques Mendes no seu comentário no noticiário de domingo à noite na SIC.

“No momento mais difícil (para o Governo), PCP e Bloco de Esquerda uniram-se”. “Aquilo era uma orquestra afinadíssima”, referiu, considerando que o debate desvaneceu qualquer dúvida sobre a solidez do pacto que sustenta o atual executivo.

Ao mesmo tempo, Mendes considerou que o debate foi muito fraco, frisando que ninguém, “nem o Governo nem a oposição”, soube lançar questões como o aproveitar-se o atual momento favorável para acelerar a redução da dívida pública, algo que no seu entender deveria ser “um objetivo nacional”.

“Se oposição não conseguiu capitalizar esse momento de desgaste, vai mobilizar quando?”, questionou, antevendo um futuro próximo difícil para o PSD, tendo em conta que as eleições autárquicas “não são favoráveis para o partido” e que o expectável crescimento da economia também favorecerá o Governo.

  • Na íntegra: o comentário de Marques Mendes na SIC

    Luís Marques Mendes analisa, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite de domingo, o roubo de armas militares em Tancos, a suspeita de tortura e racismo na Cova da Moura, a remodelação no Governo, o debate do Estado da Nação, o futuro de Luís Montenegro, a compra da Media Capital pela Altice e as eleições autárquicas de 2017