Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

António Domingues vai trabalhar para Isabel dos Santos

Luís Barra

A revelação foi feita por Marques Mendes na SIC. O ex-presidente da Caixa Geral de depósitos vai para administrador não-executivo do Banco de Fomento de Angola

O ex-presidente da Caixa Geral de Depósitos, António Domingues, vai ser administrador não-executivo do BFA, o banco angolano.

A notícia foi dada, na noite deste domingo, por Marques Mendes, no seu comentário semanal na SIC. Domingues abandonou a presidência da Caixa depois de forte polémica em torno da sua recusa em declarar o património no Tribunal Constitucional.

Este ponto terá sido conversado entre o ex-administrador do BPI e o Ministério das Finanças, que o convidou para a CGD. Há neste momento uma comissão de inquérito a correr no Parlamento para apurar em que condições o assunto terá sido negociado entre o gestor e a equipa de Mário Centeno.

Substituido no cargo por Paulo Macedo, António Domingues aceitou agora o convite para trabalhar com Isabel dos Santos, embora se mantenha em Lisboa.