Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Carris: BE defende alterações ao modelo do Governo mas está contra revogação

ANTÓNIO COTRIM / Lusa

Catarina Martins assegura que os bloquistas vão apresentar propostas próprias sobre municipalização da Carris, lembrando que o partido sugere há muitos anos uma gestão intermunicipal dos transportes coletivos

A coordenadora do BE não concorda com a revogação do diploma sobre a municipalização da Carris, embora anuncie propostas de alteração para que o modelo de gestão integre não apenas Lisboa mas as várias autarquias abrangidas.

À margem de uma visita à Escola Secundária Ferreira Dias, no Cacém, concelho de Sintra, Catarina Martins foi esta manhã questionada sobre a posição do BE no debate da apreciação parlamentar que o PCP requereu em relação à municipalização da Carris, não tendo os comunistas ainda decidido se apresentam propostas de alteração ou se avançam simplesmente para a revogação do diploma do Governo socialista.

"Eu não sei qual é a proposta. Nós não apoiaremos a cessação de vigência do decreto-lei, se ela for proposta, mas apoiaremos sim alterações ao decreto-lei, no sentido de os vários municípios que são servidos pela Carris estarem incluídos no modelo de gestão da Carris e não apenas o município de Lisboa", disse aos jornalistas.

A líder do BE assegura que os bloquistas vão apresentar propostas próprias sobre esta matéria, lembrando que o partido sugere há muitos anos uma gestão intermunicipal dos transportes coletivos. "Se o Governo tivesse conversado com os vários partidos antes de ter avançado, este processo poderia correr de uma forma mais proveitosa", sustenta, apesar de garantir que "o partido não quer voltar ao que existia anteriormente" já que "era um mau modelo".