Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Miguel Albuquerque reconduzido como líder do PSD-Madeira por mais dois anos

O presidente do Partido Social Democrata Madeira, Miguel Albuquerque, discursa durante a abertura do XVI Congresso Regional do PSD Madeira, no Centro de Congressos no Funchal, Madeira, 21 de janeiro de 2017.

HOMEM DE GOUVEIA/LUSA

Miguel Albuquerque venceu, sem qualquer opositor, as eleições internas que se realizaram a 9 de dezembro de 2016, nas quais foi reeleito com 98,2% dos votos

O XVI Congresso Regional do PSD/Madeira reconduziu este domingo Miguel Albuquerque na liderança do partido por mais dois anos ao votar, por unanimidade, a sua moção de estratégia global.

Miguel Albuquerque venceu, sem qualquer opositor, as eleições internas que se realizaram a 9 de dezembro de 2016, nas quais foi reeleito com 98,2% dos votos (2.850 dos 2.901 militantes que exerceram o seu direito de escolha).

O líder eleito do PSD/Madeira era o único subscritor da única moção de estratégia global apresentada ao congresso, intitulada “Proximidade, Confiança, Desenvolvimento”, que traça os objetivos a prosseguir até final do mandato, em 2019.
Recuperar este ano os sete dos onze municípios que o PSD/M perdeu nas eleições autárquicas de 2013 e a revisão do Estatuto Político-Administrativo da Madeira são os dois “desafios” do partido, segundo a moção.

Os congressistas aprovaram ainda, também por unanimidade, quatro moções setoriais e a delegação de competências para proceder a alterações estatutárias.

Por outro lado, de um universo de 781 delegados inscritos, a lista para a Mesa do Congresso obteve 607 votos a favor, 16 brancos e dez nulos; a do Conselho Regional teve dez votos a favor, dez brancos e nove nulos e a do Conselho de Jurisdição dez votos a favor, 11 brancos e sete nulos.

Nos próximos dois anos, a Mesa do Congresso e do Conselho Regional é presidida por Sérgio Marques, cuja lista de conselheiros é liderada por Guilherme Silva, histórico apoiante do ex-presidente do Governo Regional Alberto João Jardim, integrando ainda o antigo secretário regional da Educação Francisco Santos. À frente do Conselho de Jurisdição fica Fernanda Cardoso.

O ex-vice-presidente do Governo de Alberto João Jardim e ex-candidato à liderança do partido nas internas de 2012, João Cunha e Silva, e os antigos secretários regionais da Saúde e das Finanças Rui Adriano de Freitas e Paulo Fontes, respetivamente, marcaram presença no congresso, assim como delegações do CDS/PP, PS e JPP.