Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

TSU: Marcelo recebe patrões e UGT mas avisa que "o que tinha a fazer está feito"

Marcos Borga

Impasse na concertação preocupa o Presidente da Reoública. Patrões vão esta sexta-feira a Belém. O líder da UGT vai na próxima segunda. Mas Marcelo retira-se de cena

Depois de se ter colocado no epicentro das negociações com vista a um acordo de concertação social, Marcelo Rebelo de Sousa prepara uma retirada de cena: "O que tinha a fazer sobre esta matéria, está feito", afirmou o Presidente, esta quinta-feira á tarde.

Marcelo ainda vai falar com patrões e UGT sobre a busca de uma alternativa para o acordo de concertação que previa a baixa da TSU para compensar a subida dos salários mínimos. Mas tratou de deixar claro que não lhe compete a ele encontrar uma solução.

Esta sexta-feira, o Presidente da República recebe no palácio de Belém os presidentes das três confederações patronais. Na segunda-feira, será a vez de Marcelo receber o líder da UGT.

Carlos Silva teve esta manhã um encontro com o líder do PSD. À saída, disse que Pedro Passos Coelho não mudou a sua posição, ou seja, o partido votará contra a baixa da TSU. Resta ao Governo encontrar uma alternativa.