Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Carlos Moedas: “Faltam na Europa vozes como a de Mário Soares”

O comissário português Carlos moedas é o responsável pela pasta da Investigação, Ciência e Inovação no executivo comunitário de Jean-Claude Juncker

OLIVIER HOSLET/EPA

Comissário europeu foi à sede do PS e evocou a “voz solidária” de Mário Soares. Moedas diz que “é importantíssimo contarmos a sua história”

Carlos Moedas, comissário português em Bruxelas, representou a Comissão Europeia no funeral de Mário Soares. Antes, deslocou-se à sede do PS, no Largo do Rato, para homenagear o ex-Presidente da República e afirmou aos jornalistas que faltam na Europa vozes como a do ex-Presidente da República.

“Sentimos hoje na Europa falta de vozes solidárias”, afirmou Moedas, lembrando a crise dos refugiados. “Vamos sentir saudades do dr. Mário Soares e é importante que a minha geração fale destes homens”.

O comissário europeu lembrou que, em 2015, quando telefonou a Mário Soares para o convidar para as comemorações dos 30 anos da adesão de Portugal à CEE, “ele atendeu-me de imediato, mesmo sem me conhecer. Estava sempre disponível para falar da Europa e é importantíssimo contarmos aos mais novos a história de quem foi Mário Soares”.

Além do comissário português, também o presidente do Parlamento Europeu, Martin Schultz, estará presente nas cerimónias fúnebres do ex-Presidente da República.