Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Governo Regional da Madeira lembra o “português ilustre” que foi Mário Soares

Miguel Albuquerque e Ireneu Barreto já enviaram condolências à família de Mário Soares, sublinhando que o antigo presidente da República será recordado como grande “democrata” e “regionalista”

Marta Caires

Jornalista

"Um português ilustre" e um "estadista que sempre lutou pela democracia" foram as palavras escolhidas pelo governo de Miguel Albuquerque para expressar condolências à família e prestar homenagem a Mário Soares, ex-primeiro-ministro e antigo presidente da República.

O representante da República na Madeira também já emitiu uma nota de pesar pela morte de Mário Soares. Ireneu Barreto recorda o antigo presidente como o "grande símbolo dos combates que em Portugal se travaram nas últimas décadas pela liberdade, pela democracia e pela modernidade".

O representante da República acrescenta ainda que a Madeira deve a Mário Soares parte da autonomia já que, quando esteve em funções, foi sempre "um regionalista".