Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

François Hollande: França “perde um amigo de sempre”

Dan Kitwood/GettyImages

“A luta pela liberdade e pela justiça guiava a sua vida”, escreveu o presidente francês, em reação à morte de Mário Soares este sábado

François Hollande, presidente francês, lamentou a morte de Mário Soares, considerando-a uma perda para Portugal, mas também para França e a Europa. "Com a morte de Mário Soares, a democracia portuguesa perde um dos seus heróis, a Europa um dos seus grandes dirigentes e a França, que tinha acolhido Mário Soares no exílio durante a ditadura de Salazar, perde um amigo de sempre".

Numa nota enviada pela presidência francesa, François Hollande sublinha o papel de Mário Soares. "A luta pela liberdade e pela justiça guiava a sua vida. Soares teve a coragem de defender o seu ideal social em circunstâncias particularmente difíceis. O seu nome ficará para sempre associado à Revolução dos Cravos, mas também à construção europeia".

"O seu percurso, as suas lutas, a sua relação pessoal com o nosso país lembram-nos a profundeza das ligações que unem a França e Portugal", declarou o presidente francês.

Mário Soares morreu este sábado aos 92 anos no Hospital da Cruz Vermelha, em Lisboa, onde estava internado.