Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Costa a caminho da Índia: “É uma grande honra a distinção que vou receber”

Costa mostra o seu passaporte diplomático especial indiano enquanto falava no aeroporto de Frankfurt, Alemanha, momentos antes da sua partida para Nova Delhi, India

TIAGO PETINGA/ Lusa

Visita tem caráter “peculiar” e o primeiro-ministro quer transformá-la numa oportunidade de negócio

Helena Pereira

Helena Pereira

Editora de Política

Exibindo o seu passaporte de "pessoa de origem indiana", António Costa está apostado em criar uma nova parceria com a Índia. A caminho daquele país para uma visita de seis dias em que será homenageado pelas suas raízes, o primeiro-ministro realçou esta sexta-feira aos jornalistas que quer que se abram novas oportunidades de negócios com um gigante que cresce cerca de 8% ao ano.

"É uma viagem com uma natureza muito peculiar, desde logo do ponto de vista afetivo. É uma grande honra voltar à terra do meu pai e é uma grande honra a distinção que vou receber", explicou Costa, durante uma escala em Frankfurt, acrescentando que "os laços históricos devem servir para criar uma grande parceria para o séc XXI fundada na economia e na ciência".

Durante a visita, que passa por Nova Deli, Bangalore e Goa, Costa participará num seminário económico, num encontro de startups, tem previstas deslocações a empresas de armamento militar e espaciais. "Há um imenso potencial de trabalho e cooperação", afirmou.

Em Goa, de onde era originário o pai, o escritor Orlando da Costa, haverá ainda tempo para uma visita de caráter privado a uma tia e prima do primeiro-ministro, como o próprio explicou.