Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Chefe da Armada admite que gostaria de ter sido “avisado mais cedo” de substituição

O chefe do Estado-Maior da Armada, Macieira Fragoso, gostaria de ter sido “avisado mais cedo” de que não seria reconduzido no cargo, para que a transição se fizesse com “mais serenidade”

O Governo já terá indicado o vice-almirante Silva Ribeiro, atual diretor-geral da Autoridade Marítima Nacional, para suceder a Macieira Fragoso.

Sem esconder algum desagrado pela forma como o processo de substituição está a decorrer, o chefe do Estado-Maior da Armada defendeu em entrevista à agência Lusa que teria sido "mais vantajoso" haver tranquilidade no processo de transição.