Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Chefe de gabinete de secretário de Estado com falsas licenciaturas demite-se

Em causa estão duas licenciaturas falsas declaradas por Nuno Félix, chefe de gabinete do secretário de Estado da Juventude e do Desporto, uma situação que era do conhecimento do ministro da Educação, segundo avança o “Observador”

Nuno Félix, chefe de gabinete do Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, demitiu-se esta sexta-feira, segundo o jornal "Observador". A demissão ocorreu na sequência de duas licenciaturas falsas que Nuno Félix disse ter, situação que era do conhecimento do ministro da Educação, segundo avança o mesmo jornal.

O chefe de gabinete declarou ser licenciado em Ciências da Comunicação na Universidade Nova de Lisboa e em Direito na Universidade Autónoma de Lisboa. Segundo o "Observador", ambas as universidades negaram que Nuno Félix tivesse acabado os cursos superiores.

A confirmação da demissão foi dada esta tarde. "O ministro da Educação foi hoje informado da decisão do secretário de Estado da Juventude e Desporto, que aceitou o pedido de demissão do seu chefe de gabinete", segundo cita o "Observador".

Já em abril, tinha ocorrido a demissão do anterior secretário de Estado da Juventude, João Wengorovius Meneses, pelas mesmas razões. O ex-secretário de Estado quis exonerar Nuno Félix, mas o atual ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, não aceitou essa saída, explica o jornal online.

Este é já o segundo caso nesta semana. Rui Lizardo Roque, adjunto de António Costa para os Assuntos Regionais, apresentou esta terça-feira a sua demissão, horas depois de ter sido noticiado que o assessor não tinha concluído a licenciatura, apesar de no despacho de nomeação publicado no Diário da República ser apresentado como licenciado.

Foi também o Observador que avançou que Rui Roque apresentou uma falsa licenciatura em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores na Faculdade de Ciência e Tecnologia da Universidade de Coimbra e que não existe qualquer registo no sistema informático relativamente à conclusão do curso.

  • Rui Lizardo Roque frequentou o curso de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores pela Faculdade de Ciência e Tecnologia da Universidade de Coimbra, mas nunca o terminou, embora seja apresentado como licenciado