Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Entrega do OE 2017 atrasada

  • 333

Documento deveria ter sido entregue às 18h no Parlamento. Está marcada uma conferência de imprensa ainda para esta tarde

A entrega do Orçamento do Estado para 2017 estava prevista para esta sexta-feira, às 18h. Chegou o dia e a hora, mas o documento ainda não deu entrada no Parlamento.

Uma versão provisória do documento foi divulgada esta sexta-feira. Há algumas surpresas: sobretaxa do IRS só deixará de ser aplicada a 1 de janeiro de 2018, as pensões mais baixas vão aumentar até 10 euros, respondendo a uma reivindicação do BE e do PCP, o apoio extraordinário aos desempregados de longa duração volta a constar do Orçamento do Estado e por um maior período de tempo, e os alunos do 1.º ciclo vão ter manuais gratuitos. Estas são apenas algumas das medidas que constam do documento provisório. Conheça as restantes AQUI.

  • Os aum€ntos e os cort€s que vão mudar a sua vida em 2017

    Há surpresas na sobretaxa, haverá mexidas nas pensões, há património que vai pagar imposto a que não estava sujeito, há contratações na Justiça, estão anunciados novos hospitais, os carros a gasóleo continuam a ser penalizados, há mexidas no subsídio de desemprego, o açúcar é castigado, o 1º ciclo vai ter manuais gratuitos. Estas são apenas algumas das medidas que vão mexer nas nossas vidas, na sua vida. É dia de Orçamento do Estado - o melhor é estar informado

  • Eles não enlouqueceram

    Alguns impostos descem, mas devagar. Outros impostos sobem, mas sem ofensa. As pensões sobem, mas pouco. Distribuído já o mal pelas aldeias, distribui-se agora a aldeia pelos males. Com calendário previdente: tudo o anunciado para daqui a meses poderá ser revertido. É que em outubro há eleições. E “o mundo mudou” sempre depois das eleições