Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

CGD: PR diz que “já havia a noção” de recapitalização por “falta de dinheiro”

  • 333

JOSÉ COELHO / Lusa

Marcelo Rebelo de Sousa escusou-se a comentar “culpas”, se é da direita ou da esquerda ou do “Governo anterior ou o anterior ao anterior”

O Presidente da República disse esta quarta-feira que “toda a gente já tinha a noção” de que uma recapitalização da Caixa Geral de Depósitos (CGD) era por “falta de dinheiro", reagindo a declarações do ministro das Finanças.

No parlamento, Mário Centeno afirmou hoje que “há um desvio enormíssimo no plano de negócios que o Governo anterior geriu com a CGD, que atinge verbas superiores a 3.000 milhões de euros, e que tão diligentemente o Governo anterior acompanhou”.

Questionado durante uma viagem de barco no rio Douro na Guarda sobre o valor anunciado pelo ministro das Finanças, o Presidente da República disse que “toda a gente já tinha a noção que quando se falava numa reestruturação da Caixa e se falava numa recapitalização havia falta de capital".

"Estamos agora a ficar a saber em tempo oportuno qual é o montante de capital que faz falta, mas já se falava em capital em falta", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa.

O chefe de Estado disse também que “já toda a gente sabe que o que está em conversas com Bruxelas é que, a haver recapitalização [da CGD], ela não vá ao défice".

Marcelo Rebelo de Sousa escusou-se a comentar "culpas", se é da direita ou da esquerda ou do “Governo anterior ou o anterior ao anterior”, referindo que não entra “nessas questões".

Depois de três dias, três distritos, 11 municípios e 15 iniciativas, Marcelo Rebelo de Sousa terminou hoje a segunda ‘edição' da iniciativa "Portugal Próximo".