Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Governo confirma demissão da administração da Caixa

Nuno Fox

Ministério de Mário Centeno garante que os gestores demissionários da CGD vão ficar no banco até serem substituídos

O gabinete do ministro das Finanças confirmou esta terça-feira que a administração da Caixa Geral de Depósitos se demitiu, numa carta enviada a Mário Centeno, adiantando que os gestores demissionários vão ficar no banco até serem substituídos.

O jornal "Público" noticia esta terça-feira que a administração da Caixa Geral de Depósitos (CGD) se demitiu, numa carta enviada ao ministro das Finanças, com data de 21 de junho, remetendo "para o Governo a responsabilidade pela resposta à indefinição que paira há meses sobre o maior banco do sistema".

Contactada pela agência Lusa, fonte oficial do Ministério das Finanças confirmou a demissão da equipa (que terminou o seu mandato em dezembro de 2015), adiantando que "ficam em funções até serem substituídos" e que "não vai haver nenhuma ausência de administração na CGD".